Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Adaptabilidade e estabilidade da produção de borracha e seleção em progênies de seringueira Adaptability and stability of rubber production and selection in rubber tree progenies

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Cecília Khusala Verardi | Marcos Deon Vilela de Resende | Reginaldo Brito da Costa | Paulo de Souza Gonçalves

Journal: Pesquisa Agropecuária Brasileira
ISSN 0100-204X

Volume: 44;
Issue: 10;
Start page: 1277;
Date: 2009;
Original page

Keywords: Hevea brasiliensis | Blup | interação genótipo x ambiente | modelos mistos | Reml | seleção genética | Hevea brasiliensis | Blup | genotype x environment interaction | mixed models | Reml | genetic selection

ABSTRACT
Os objetivos deste trabalho foram determinar a interação genótipo x ambiente e a estabilidade e adaptabilidade da produção de borracha em progênies de seringueira (Hevea brasiliensis (Willd. ex A. Juss.) Müll. Arg.), bem como estimar o ganho genético com a seleção dos materiais mais produtivos. Foram utilizadas três populações de progênies de meios-irmãos de seringueira, cultivadas em três municípios do Estado de São Paulo. Os experimentos foram instalados em delineamento de blocos ao acaso com 22 progênies, 6 repetições e 10 plantas por parcela, com espaçamento de 1,5x1,5 m. Aos três anos de idade, as progênies foram avaliadas quanto à produção de borracha seca utilizando-se o teste precoce de produção Hamaker Morris-Mann. As análises de estabilidade e adaptabilidade foram obtidas por modelos lineares mistos Reml/Blup. A seleção das cinco progênies mais produtivas proporcionou ganho genético de 8,16%. A pequena variação de desempenho das progênies mais produtivas, nos três locais de plantio, indica boa estabilidade fenotípica dos genótipos. As três progênies mais produtivas apresentam superioridade de produção de 14 a 19% sobre a média geral, nos três ambientes. As progênies selecionadas nos três locais podem ser indicadas para utilização na sequência de programas de melhoramento genético e podem levar à maximização na produção de látex.The objectives of this work were to determine the genotype x environment interaction and the stability and adaptability of rubber production in progenies of Hevea brasiliensis (Willd. ex A. Juss.) Müll. Arg., as well as to estimate the genetic gain with selection of the most productive materials. Three half-sib progeny populations of rubber were cultivated in three municipalities in the state of São Paulo. The experiments were installed in a randomized complete block design with 22 progenies, 6 replicates and 10 plants per plot, with spacing of 1.5x1.5 m. At three years of age, the progenies were evaluated regarding dry rubber production, using the Hamaker Morris-Mann test. The adaptability and stability analyses were obtained using the Reml/Blup mixed linear models. The selection of the five most productive progenies provided a genetic gain of 8.16%. The small performance variation of the most productive progenies in the three locations demonstrates good stability of these genotypes. The three most productive progenies presented 14 to 19% superiority over the general average at the three locations. The selected progenies can be indicated for use in the genetic breeding program sequence and can lead to maximization of latex production.
Save time & money - Smart Internet Solutions     

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil