Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Aspectos metodológicos do comportamento ingestivo de vacas lactantes em pastejo de "Brachiaria decumbens" Methodological aspects of ingestive behavior of lactating cows grazing “Brachiaria decumbens”

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Paulo Andrade Oliveira | Jair de Araújo Marques | Tácio Marques Pedreira | Luciano Lemos da Silva | Larissa Pires Barbosa | Gabriel Jorge Carneiro de Oliveira

Journal: Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal
ISSN 1519-9940

Volume: 12;
Issue: 1;
Date: 2011;
Original page

ABSTRACT
Objetivou-se avaliar os componentes que abrangem o comportamento animal em diferentes metodologias para discretização das séries temporais de vacas lactantes (Holandês vs. Zebu) em pastejo de Brachiaria decumbens. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, avaliados cinco intervalos de tempo e influencia da luminosidade sobre o comportamento ingestivo, e utilizadas 12 repetições para estas avaliações. O teste de Tukey e teste de F a 5% de significância foram utilizados para comparação dos intervalos de tempo e avaliação da influência da luminosidade sobre o comportamento ingestivo, respectivamente. Os tempos médios diários de alimentação, ruminação e ócio não diferiram entre os intervalos. Entretanto, na avaliação da frequência das atividades todas as escalas de tempo diferiram. Na avaliação da influencia da luminosidade sobre o comportamento ingestivo, os períodos diurno e noturno diferiram os tempos despendidos em alimentação, ruminação e ócio e as frequências destas atividades. Constatou-se que as vacas destinaram maior percentagem do tempo diário para alimentação em relação às outras atividades. Pode-se utilizar intervalo de observação de até 30minutos para determinar os tempos médios diários de cada atividade. Contudo, para avaliação das frequências, os intervalos devem ser de 5min, porque intervalos maiores subestimam os resultados.This study evaluates the components that comprise animal behavior in different methodologies to discretize time series of lactating cows (Holstein vs. Zebu) grazing Brachiaria decumbens. The experimental design was completely randomized, evaluated five time intervals and luminosity effects on eating behavior, and used 12 replications for each evaluation. Tukey test and F test at 5% significance were used to compare the time intervals and the light influence on the feeding behaviour, respectively. The averages of daily eating, ruminating and resting did not have interference on different time intervals. However, when assessing the frequency of eating, ruminating and resting, all the time intervals differ. Evaluating the influence of light on feeding behavior, daily and nightly periods differ both on the time spent and on daily frequencies of eating, rumination, and resting. It was found that cows allocated greater percentage of their daily time to feeding compared to other behavioral activities. It is possible to use observations with intervals of 30minutes to determine the average time of each daily activity. However, to evaluate the frequencies of these activities, the intervals must be of five minutes, because longer intervals underestimate the results.
Affiliate Program     

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil