Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Atitude Faking e as escalas de verificação da versão adaptada do MCMI-III para o Brasil =Faking responses and modifying scales of Brazilian portuguese version of MCMI-III

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Alencar, João Carlos Nascimento de et al.

Journal: Psico
ISSN 0103-5371

Volume: 43;
Issue: 4;
Start page: 481;
Date: 2012;
Original page

Keywords: PERSONALIDADE - TESTES | TESTES PSICOLÓGICOS

ABSTRACT
Os inventários objetivos de autorrelato têm sido amplamente utilizados nas últimas décadas. Padrões de resposta enviesados dão espaço à simulação, se constituindo como um importante problema desses instrumentos. O MCMI-III é um instrumento para avaliação da personalidade amplamente utilizado no mundo, em diversos contextos onde a simulação pode estar presente. Assim, o presente trabalho objetiva investigar as escalas Desejabilidade Social e Valorização negativa do instrumento, colaborando para a adaptação do MCMI-III para o Brasil. Os participantes (n = 2570) são originários de todo o país, com faixa etária e de escolaridade diversas. Após resposta ao instrumento, foram categorizados de acordo com sua pontuação nas escalas supracitadas nos grupos Baixo, Médio e Alto para comparação estatística através de Analise Univariada. Foram encontradas diferenças entre os grupos, com maiores médias clínicas para os grupos de maior Valorização Negativa e menor Desejabilidade Social, indicando indícios de validade de constructo das escalas estudadas. Self-report inventories have been widely used since last decades. Malingering by response bias are an important matter about such psychological tests. The MCMI-III is a personality assessment inventory that has been widely used in the world, including when malingering is highly suspected. So, this article aims to investigate Desirability and Debasement Scales of MCMI-III, thus contributing to the test adaptation for Brazil. Study sample (n = 2570) comes from the whole country, and has a large spectrum of age and education. After administration of the test, participants were categorized according to scores obtained in Low, Medium and High groups, to comparison by One-way ANOVA. Statistical differences has been found among groups, and highest clinical scores found was that from high Debasement and low Desirability groups, signing to construct validity of scales.
Affiliate Program     

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona