Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Azevedo Amaral e o século do corporativismo, de Michael Manoilesco, no Brasil de Vargas

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Angela de Castro Gomes

Journal: Sociologia & Antropologia
ISSN 2236-7527

Volume: 2;
Issue: 4;
Start page: 185;
Date: 2012;
VIEW PDF   PDF DOWNLOAD PDF   Download PDF Original page

Keywords: Azevedo Amaral | Intelectuais | Autoritarismo | Corporativismo | Estado Novo.

ABSTRACT
Este artigo tem como objetivo de fundo acompanhar o processo de circulação e apropriação de ideias sobre o modelo corporativista de organização do Estado e da sociedade, no Brasil dos anos 1930/40. Para tanto, escolheu trabalhar com a atuação de um dos mais importantes intelectuais desse período: Azevedo Amaral. Este intelectual se dedicou a traduzir para o português, o livro de Michael Manoilesco, O século do corporativismo, do qual escreve o prefácio, em 1938. Nos anos 1930, produz também vários livros, entre os quais, O Estado autoritário e a realidade nacional, igualmente datado de 1938 e publicado pela editora José Olympio, no qual faz uma aposta imediata no modelo autoritário e corporativista de Estado para o Brasil.
Why do you need a reservation system?      Affiliate Program