Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

<b>DESORDENS DEVIDO AO ÁLCOOL EM ADOLESCENTES: CONFIABILIDADE DE UM INSTRUMENTO DE MEDIDA</b>

ADD TO MY LIST
 
Author(s): JUSSARA DE CASTRO ALMEIDA | JULIANA ALVARES DUARTE BONINI CAMPOS

Journal: Alimentos e Nutrição
ISSN 0103-4235

Volume: 20;
Issue: 3;
Start page: 435;
Date: 2010;
Original page

Keywords: Confi abilidade | consistência interna | álcool | alcoolismo | adolescentes.

ABSTRACT
O objetivo deste estudo foi estimar a confiabilidade da versão em português do Teste de Identificação de Desordens Devido ao Álcool – AUDIT quando aplicada em adolescentes. Participaram do estudo 62 adolescentes com média de idade de 16,841,01 anos, sendo 56,45% do sexo masculino, matriculados no 3º ano do ensino médio de uma escola pública do município de Passos – MG em 2008. Adotou-se o delineamento amostral não-probabilístico. Os questionários foram aplicados em sala de aula, por um examinador treinado, duas vezes, com intervalo de uma semana entre as mesmas. A consistência interna do AUDIT foi estimada pelo coeficiente α – Cronbach. Para o estudo da reprodutibilidade intra-examinador utilizou-se a estatística Kappa com ponderação linear (p) por ponto e por intervalo de confiança. O nível de significância adotado foi de 5,00%. Todas as questões do AUDIT apresentaram correlação inter- item >0,20 e a escala obteve α=0,77. A concordância das respostas obtidas para as questões componentes do AUDIT variou de “boa” a “ótima”. Quando da classificação do risco de beber dos estudantes, a reprodutibilidade foi “ótima” (=0,92). Assim, entende-se que o AUDIT apresentou uma confiabilidade adequada no rastreamento do consumo de beber dos estudantes e sugere-se que o mesmo possa ser utilizado na pesquisa epidemiológica para levantamentos de informações sobre a utilização de bebidas alcoólicas por adolescentes.
Why do you need a reservation system?      Affiliate Program