Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

CAÇÃO E VULNERABILIDADE: UM ESTUDO ETNOGRÁFICO C OM JOVENS E MULHERES EM PRIVAÇÃO DE LIBERDADE. EDUCATION AND VULNERABILITY: AN ETHNOGRAPHIC STUDY AMONG INCARCERATED YOUTHS AND WOMEN

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Carmen Lucia Guimarães de Mattos | Sandra Maciel de Almeida | Paula Almeida de Castro

Journal: Revista Eletrônica de Educação
ISSN 1982-7199

Volume: 7;
Issue: 1;
Start page: 32;
Date: 2013;
Original page

Keywords: Educação | Etnografia | Gênero | Encarceramento | Education | Ethnography | Gender | Incarceration

ABSTRACT
Este artigo apresenta resultados de uma pesquisa (MATTOS; ALMEIDA; CASTRO, 2011) que investigou a situação educacional das jovens e mulheres em privação de liberdade e de seus filhos utilizando a abordagem etnográfica de pesquisa. Constituíram-se como loci de estudo duas penitenciárias femininas e uma unidade para jovens cumprindo medidas socioeducativas de internação, todas situadas no Estado do Rio de Janeiro. Os registros dos dados realizaram-se com o auxílio de entrevistas etnográficas, vídeos, documentos e fotografias com as análises realizadas pelo método indutivo. Dentre os resultados da pesquisa, apresentam-se, neste artigo, as explicações sobre a situação de vulnerabilidade das jovens e mulheres em privação de liberdade e de seus filhos, com o encarceramento das mães. Além destas, as análises realizadas apontaram para as disparidades socioeducacionais na trajetória de vida das jovens e mulheres, evidenciando que a vulnerabilidade social das mesmas são indicadores de desigualdades que não tem garantido os direitos básicos estabelecidos pelas leis brasileiras e pelos Direitos Humanos.This paper presents results from the research (MATTOS; ALMEIDA; CASTRO, 2011) that investigated the educational situation of incarcerated youths and women and of their children using the ethnographic research approach. The study loci were two female prisons and one female juvenile correctional facility located in Rio de Janeiro State. Data collection took place using ethnographic interviews, videos, documents and photos and the analyses were performed by inductive method. Among the research results, explanations about the vulnerability of incarcerated youths and women and of their children, as a consequence of their mothers’ incarceration are presented in this paper. In addition, the collected data shows that social and educational disparities in the youths and women life course indicates their social vulnerability as a result of inequalities without the guarantee of basic rights established by Brazilian laws and Human Rights.
Why do you need a reservation system?      Affiliate Program