Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

CARACTERIZAÇÃO BIOQUÍMICA E MOLECULAR DE ACESSOS DE ARROZ VERMELHO COLETADOS NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Gaspar Malone | Paulo Dejalma Zimmer | Maria Alice da Silva de Castro | Letícia Noemi Arias | Geri Eduardo Meneghello | Silmar Teichert Peske

Journal: Pesquisa Agropecuária Tropical
ISSN 1517-6398

Volume: 37;
Issue: 2;
Start page: 77;
Date: 2007;
Original page

Keywords: Oryza sativa | marcadores bioquímicos | microssatélites | variabilidade genética.

ABSTRACT
O arroz vermelho é uma das principais espécies daninhaspara cultivo de arroz no Brasil. Por outro lado, constitui-se numacervo de genes perdidos durante a domesticação do arrozcultivado, que poderá ser importante para a recuperação deconstituições gênicas promissoras. O objetivo desde trabalho foianalisar a variabilidade genética de uma coleção de acessos dearroz vermelho (Oryza sativa L.) coletados no Estado de RioGrande do Sul, Brasil, através de marcadores bioquímicos dotipo isoenzimas, e marcadores moleculares do tipo microssatélites.Trinta e quatro acessos, pertencentes ao banco de germoplasmado Laboratório de Sementes e Biotecnologia, da UniversidadeFederal de Pelotas, foram analisados utilizando seis sistemasisoenzimáticos e dezenove marcadores microssatélites. Vinte etrês alelos bioquímicos e 54 moleculares foram identificados eutilizados para estimar os índices de polimorfismo (PIC) e desimilaridade genética. Os resultados indicam que a população dearroz vermelho analisada apresenta grande variabilidade genética,evidenciando potencialidade para o mapeamento de característicasde interesse à fisiologia de sementes. Marcadores bioquímicos dotipo isoenzimas e marcadores moleculares do tipo microssatélitesão eficientes para estimar a variabilidade genética em acessos dearroz vermelho.x
Save time & money - Smart Internet Solutions      Why do you need a reservation system?