Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Cultura e afrodescendência: organizações negras e suas estratégias educacionais em Porto Alegre (1872-2002) / Culture and afrodescendência: black organizations and their strategies education in Porto Alegre (1872-2002)

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Lúcia Regina Brito Pereira

Journal: Reflexão & Ação
ISSN 0103-8842

Volume: 18;
Issue: 1;
Start page: 77;
Date: 2010;
Original page

Keywords: Organizações Negras | História | Educação de Negros | Identidade | Ações Afirmativas | Afro Organizations | History | Education of Afro People | Identity

ABSTRACT
Esta pesquisa investigou e interpretou a construção de estratégias educacionais por afrodescendentes implementadas por várias organizações negras em Porto Alegre, RS, a partir dos finais do século XIX, ao longo da Primeira República, Estado Novo e respectivas redemocratizações, até o ano de 2002. A saber, foram investigadas as organizações: Irmandade do Rosário, Sociedade Recreativa Beneficente Floresta Aurora, Sociedade Satélite Prontidão, o Clube Náutico Marcílio Dias e MARIA MULHER – Organização de Mulheres Negras. Ao longo desse período, as organizações negras tiveram diferentes configurações, de acordo com seus contextos, suas formas de composição e suas reivindicações que surgem a partir das condições, ou falta delas, advindas da sociedade mais abrangente. Essas organizações ı de cunho religioso, de ajuda mútua, cultural ou, na perspectiva atual, de organizações não-governamentais ı encerraram em si uma característica comum que se traduz na preservação da identidade e nas reivindicações para o estabelecimento de condições dignas de sobrevivência ao afrodescendentes. Devido à ausência de documentação da trajetória histórico-educacional da população negra, nos meios oficiais de divulgação, estatísticas, historiografia tradicional, esta investigação se valeu de registros em publicações específicas e de relatos de pessoas de referência, os quais permitem recuperar um perfil da atuação dessas organizações e fixar a memória daquilo que diz respeito a suas construções e reivindicações históricas e educacionais.Asbtract This research investigates and interprets the construction of educational strategies by afrodescendents implemented by several afro organizations in Porto Alegre, RS, from the end of the XIX century, over the First Republic, the New State and the respective re-democratizing processes until the year 2002. Over this period, the afro organizations had differentconfigurations according to their contexts, their forms of composition and their claims arise from the conditions or from their lack, coming from a broader society. Such organizations, either ofreligious nature, mutual aid, cultural or, under the current perspective, of non-governmental organizations, comprise a common feature that is translated into the preservation of the identity and into the claims for the establishment of fair survival conditions for the afro-descendents. Due to the absence of documentation of the historical-educational trajectory of the afro population in the official means of divulgation, statistics and in the traditional historiography, this investigation aims at registering this history through specific publications and reports from reference people, what allows recovering the performance profile of these organizations and setting the memory of what respects their constructions and historical and educational claims.
Save time & money - Smart Internet Solutions      Why do you need a reservation system?