Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Dacriocistorrinostomia externa em hospital universitário: avaliação dos resultados

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Schellini Silvana Artioli | Sakamoto Regina Hitomi | Samahá Jorge Taveira | Arangon Flavio | Padovani Carlos Roberto

Journal: Arquivos Brasileiros de Oftalmologia
ISSN 0004-2749

Volume: 67;
Issue: 2;
Start page: 301;
Date: 2004;
Original page

Keywords: Dacriocistite | Dacriocistorinostomia/métodos | Doenças do aparelho lacrimal/fisiopatologia | Obstrução dos ductos lacrimais/cirurgia | Procedimentos cirúrgicos oftalmológicos

ABSTRACT
OBJETIVO: Conhecer a resposta das obstruções nasolacrimais ao tratamento por dacriocistorrinostomia (DCR) externa em um Hospital Universitário. MÉTODOS: Avaliaram-se retrospectivamente 245 procedimentos cirúrgicos realizados em 220 pacientes. Os indivíduos foram estudados quanto à idade, sexo, queixas, antecedentes, sinais clínicos e complicações intra-operatórias. RESULTADOS: A mediana da idade dos pacientes foi de 45 anos e houve predomínio do sexo feminino (70,00%). As queixas mais freqüentes foram epífora (93,06%) e secreção ocular (58,77%). As complicações intra-operatórias ocorreram em 9,37% dos pacientes, tendo ocorrido sangramento excessivo (5,30%), lesão da mucosa nasal (2,85%) e lesão do saco lacrimal (22,0%). Em 15,55% dos pacientes foi realizada nova cirurgia. CONCLUSÃO: A chance de cura com a utilização da DCR externa no serviço foi de 71,43%. Considerou-se a utilização desta técnica cirúrgica uma boa opção para o tratamento das obstruções nasolacrimais, em decorrência do baixo índice de complicações e da chance de sucesso com o tratamento.
Save time & money - Smart Internet Solutions     

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona