Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

DESIGN THINKING MODEL AS INDUCER OF BUSINESS INNOVATION: AN EMPIRICAL STUDY <br> http://dx.doi.org/10.5585/gep.v2i1.36 O MODELO DE DESIGN THINKING COMO INDUTOR DA INOVAÇÃO NAS EMPRESAS: UM ESTUDO EMPÍRICO<br>http://dx.doi.org/10.5585/gep.v2i1.36

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Luiz Alberto Bonini | Roberto Sbragia

Journal: Revista de Gestão e Projetos
ISSN 2236-0972

Volume: 2;
Issue: 1;
Start page: 03;
Date: 2011;
Original page

Keywords: Design Thinking | Gestão da Inovação | Estratégia.

ABSTRACT
Nowadays innovation is one of the most important strategic drivers for organizations, as in 1970’s and in 1980’s the corporations were focused on total quality and in 1990’s on reengineering. For creating sustainable leadership in the future, organizations should: change the engagement rules in a traditional industry; redefine the boundaries between industries; and create entirely new sectors. However, the company’s predictive capability to change the sector arises when senior executives can empathize with the basic human needs. In this context, the Design Thinking emerges as a model of innovation with high potential to generate outstanding results for organizations seeking the leadership, since it contemplates methods of research and development of solutions highly-focused on users. The aim of this study is to explore the model of Design Thinking from the perspective of innovation strategic management. Therefore, the study includes literature searches on innovation, design and Design Thinking, a survey with professionals who have experience applying the model and, finally, a case study of a Brazilian computer manufacturer. The results obtained demonstrate that the implementation of a systematized model of Design Thinking requires several cultural and process changes. However, the model is able to generate positive results in the development of innovative solutions, since it is supported by advanced methods to understand the context and to generate ideas focused on users and their needs.Atualmente a inovação é um dos principais direcionadores estratégicos das organizações, da mesma forma como ocorreu nas décadas de 1970 e 1980 quando as empresas se dedicaram à qualidade total e nos anos 90 à reengenharia. Para criar liderança sustentável no futuro, a organização deve: mudar de forma fundamental as regras de engajamento em um setor antigo, redefinir as fronteiras entre os setores; e criar outros inteiramente novos. Além disso, a capacidade de previsão de mudanças surge quando os executivos seniores de uma empresa conseguem sentir empatia com as necessidades humanas básicas. É nesse contexto que o Design Thinking (DT) surge como um modelo de inovação com alto potencial de gerar resultados diferenciados para as organizações que buscam a liderança, pois contempla métodos de investigação e de desenvolvimento de soluções altamente focados nos usuários. O objetivo desse estudo é explorar o modelo Design Thinking sob a ótica da gestão estratégica da inovação e aprofundar o conhecimento sobre o tema. Para isso, o estudo contempla pesquisas bibliográficas sobre inovação, design e DT, uma survey com profissionais que possuem experiência na aplicação do modelo e, por último, um estudo de caso de uma empresa brasileira fabricante de computadores. Os resultados obtidos nesse estudo demonstram que a implantação de um modelo sistematizado de DT pelas organizações exige diversas mudanças culturais e processuais. Entretanto, o modelo tem capacidade de gerar resultados bastante positivos no desenvolvimento de soluções inovadoras, pois sustenta-se sobre métodos avançados de entendimento do contexto e de geração de ideias focadas no usuário e em suas necessidades.
Why do you need a reservation system?      Save time & money - Smart Internet Solutions