Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Desigualdade social e saúde no Brasil

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Neri Marcelo | Soares Wagner

Journal: Cadernos de Saúde Pública
ISSN 0102-311X

Volume: 18;
Issue: suppl;
Start page: 77;
Date: 2002;
Original page

Keywords: Eqüidade | Iniqüidade Social | Serviços de Saúde | Modelos Logísticos

ABSTRACT
Esse artigo estuda a relação entre desigualdade social e saúde no Brasil. A estratégia usada foi avaliar as necessidades e o consumo dos serviços de saúde, bem como o acesso a seguro saúde ao longo da distribuição de renda. Adicionalmente, por meio da estimação de uma regressão logística, foram avaliados outros determinantes do consumo dos serviços de saúde, com o intuito de se conhecer aonde e quem utiliza esses serviços no país. Os dados foram extraídos da Pesquisas Nacional de Amostra por Domicilio da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística levada a campo em 1998. Em geral, observou-se que os indivíduos nos primeiros décimos da distribuição de renda têm pior acesso a seguro saúde, necessitam de maiores cuidados médicos, mas consomem menos os serviços de saúde. As outras características extra rendimento indicam que os principais determinantes para o consumo dos serviços de saúde estariam fortemente associados aos grupos sociais mais privilegiados (de maior escolaridade, acesso a seguro saúde, água, esgoto, luz, coleta de lixo) e a fatores que apontam para capacidade de geração de oferta desses serviços no país.
Save time & money - Smart Internet Solutions      Why do you need a reservation system?