Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Economia popular solidária: alternativa de geração de trabalho e renda e desafio aos profissionais do Serviço Social

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Nascimento, Aline Fátima do

Journal: Textos & Contextos
ISSN 1679-2041

Volume: 6;
Issue: 2;
Start page: Dados elet;
Date: 2007;
Original page

Keywords: SERVIÇO SOCIAL | TRABALHO | ECONOMIA SOLIDÁRIA

ABSTRACT
O processo de reestruturação produtiva tem produzido mudanças na sociedade contemporânea, em decorrência das transformações ocorridas nos processos e relações de trabalho. A reestruturação produtiva no Brasil trouxe como principais características a redução da demanda por mão-de-obra, ao mesmo tempo em que exigiu maior qualificação e intensificou a exploração sobre a força de trabalho, ampliando as manifestações da questão social, objeto de trabalho do assistente social. Para atender às demandas não supridas pelo sistema capitalista, desenvolvem-se pelo mundo inteiro, experiências que procuram romper com a lógica capitalista, dando lugar a outras formas de produção e organização do trabalho. Os empreendimentos de Economia Popular Solidária desenvolvem-se neste contexto de transformações, como formas alternativas de geração de trabalho e renda protagonizados pelos indivíduos excluídos do mercado formal de trabalho. Juntamente com as necessidades básicas de sobrevivência, os valores da solidariedade, da ajuda mútua e da cooperação estão presentes e, fazem parte das relações sociais entre estes indivíduos, norteando suas ações. Estes empreendimentos têm possibilitado a garantia da subsistência e sobrevivência das classes populares que, em sua maioria, se encontram em situação de vulnerabilidade social. Além disso, configuram-se como um campo de trabalho promissor e privilegiado aos assistentes sociais comprometidos com os interesses e necessidades das classes populares.
Save time & money - Smart Internet Solutions     

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil