Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Educação permanente dos serviços públicos de saúde de Florianópolis, Santa Catarina Permanent education in the public health services in Florianópolis, Santa Catarina

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Mônica Motta Lino | Vânia Marli Schubert Backes | Fabiane Ferraz | Marta Lenise do Prado | Geani Farias Machado Fernandes | Luiz Anildo Anacleto da Silva | Daiana Kloh

Journal: Trabalho, Educação e Saúde
ISSN 1678-1007

Volume: 7;
Issue: 1;
Start page: 115;
Date: 2009;
Original page

Keywords: educação continuada | políticas públicas de saúde | serviço hospitalar de educação | continued education | public health policies | educational hospital service

ABSTRACT
O objetivo principal da Política Nacional de Educação Permanente em Saúde (PNEPS) é a formação e o desenvolvimento dos trabalhadores para o setor da saúde. A partir dos pressupostos dessa política, buscou-se analisar a realidade da educação permanente (EP) dos serviços públicos de saúde do município de Florianópolis, no estado de Santa Catarina, por meio de pesquisa descritiva de abordagem qualitativa. Realizou-se entrevista semi-estruturada com 16 sujeitos responsáveis pelas iniciativas de EP da atenção básica, do setor hospitalar e órgão público municipal e estadual. A análise de conteúdo foi adotada como procedimento analítico dos dados, organizados em três categorias: planejamento das propostas de EP em saúde; metodologia e técnicas de ensino-aprendizagem utilizadas nas ações de EP; e avaliação do processo e dos resultados das ações de EP. Os resultados indicam que os serviços de saúde de Florianópolis caminham a passos lentos, mas progressivos, com iniciativas em EP interessantes, porém pontuais. Verificou-se que a EP não é priorizada frente ao 'ciclo vicioso' de dificuldades dos serviços de saúde. Logo, torna-se fundamental uma educação crítica e libertadora, que permita despertar mudanças nos trabalhadores, no ambiente de trabalho e usuários, com reflexos na qualidade dos serviços de saúde.The main objective of the National Policy for Permanent Education in Health (PNEPS) is qualifying and developing workers for the health sector. Base on the assumptions of this policy, an attempt was made to analyze the reality of permanent education (PE) in the public health services in the municipality of Florianópolis, state of Santa Catarina, via a qualitative descriptive survey. A semi-structured interview was carried out with 16 subjects who are in charge of the basic care PE initiatives, of the hospital sector and of municipal and state public agencies. Content analysis was adopted as the analytical data procedure, organized in three categories: planning of the PE in health proposals; the teaching and learning methodology and techniques used in PE actions; and the assessment of the PE action process and results. The results show that the health services in Florianópolis are progressing, even if slowly, with interesting, although punctual PE initiatives. It was seen that PE is not prioritized on account of the 'vicious cycle' of the difficulties in the health services. Therefore, it is fundamental to have a critical, freeing education, one that allows for the perception of changes among the workers, in the work environment, and among the users, with reflexes on health service quality.
Affiliate Program      Why do you need a reservation system?