Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Efeito de fatores bióticos no crescimento de Hypnea musciformis(Rhodophyta - Gigartinales)

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Reis Renata Perpetuo | Leal Marta Correa Ramos | Yoneshigue-Valentin Yocie | Belluco Frederico

Journal: Acta Botanica Brasilica
ISSN 0102-3306

Volume: 17;
Issue: 2;
Start page: 279;
Date: 2003;
Original page

Keywords: Hypnea musciformis | relação epífita-hospedeiro | Sargassum spp. | Amphypoda | herbivoria

ABSTRACT
O melhor conhecimento da ação de fatores biológicos sobre o crescimento de Hypnea musciformis (Wulfen in Jacqu.) J. V. Lamour. torna-se um aspecto premente visando a otimização do manejo e a conservação dessa espécie de interesse comercial. Uma vez que as espécies de Sargassum C. Agardh são consideradas importantes substratos para a fixação de H. musciformis, durante 18 meses, foram realizadas amostragens do tipo destrutiva, em uma população natural de H. musciformis epífita sobre Sargassum spp., em três profundidades de um costão rochoso no Rio de Janeiro. Obteve-se relação positiva entre as biomassas de ambos os gêneros, além da preferência destes pelo ambiente sublitorâneo. Visto a usual presença de mesoherbívoros (Amphipoda) nos talos dessas algas, a ação da herbivoria em H. musciformis e S. cymosum var. nanum foi testada em experimento in vitro. A herbivoria foi confirmada para ambos os táxons e a maior taxa de crescimento de H. musciformis favoreceu o crescimento de S. cymosum var.nanum, diminuindo o ataque de mesoherbívoros por ser alimento disponível. Observou-se também que não houve inibição do crescimento de H. musciformis por S. cymosum var.nanum. Sendo assim, recomenda-se que a colheita de H. musciformis para fins comerciais em bancos naturais de Sargassum spp. seja manejada para não causar danos às comunidades marinhas bentônicas.
Affiliate Program     

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona