Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Efeito do peso corporal na fecundidade e na longevidade do percevejo predador Podisus rostralis

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Zanuncio José Cola | Molina-Rugama Adrián José | Santos Germi Porto | Ramalho Francisco de Sousa

Journal: Pesquisa Agropecuária Brasileira
ISSN 0100-204X

Volume: 37;
Issue: 9;
Start page: 1225;
Date: 2002;
Original page

Keywords: controle biológico | criação massal | desempenho reprodutivo | sobrevivência

ABSTRACT
Considerando a importância dos percevejos predadores como agentes de controle biológico e a necessidade de se otimizar sua produção massal, realizou-se o presente trabalho para avaliar a influência do peso corporal sobre a sobrevivência e a reprodução de fêmeas de Podisus rostralis (Stål) (Hemiptera: Pentatomidae). Os tratamentos foram constituídos por fêmeas desse predador com peso médio de: 39,5 mg, 45,5 mg, 51,5 mg, 57,5 mg e 63,5 mg. O período de preoviposição foi menor nas fêmeas mais pesadas, enquanto o número de ovos e de ninfas por dia apresentou relação linear positiva com o peso das fêmeas de P. rostralis. A longevidade das fêmeas desse predador foi semelhante entre tratamentos, porém não apresentou tendência de variação em razão do seu peso corporal. Como o objetivo de uma criação massal é produzir o maior número possível de ninfas por dia, recomenda-se o uso de fêmeas de P. rostralis com peso acima de 60,0 mg.
Affiliate Program      Why do you need a reservation system?