Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

A empregabilidade nos Parâmetros Curriculares Nacionais: implicações e limites a formação humana/The empregabilidade in the National Curricular Parameters: implications and limits the formation human being

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Luciano Accioly Lemos Moreira

Journal: EDT : Educação Temática Digital
ISSN 1676-2592

Volume: 9;
Issue: 1;
Start page: 124;
Date: 2007;
Original page

Keywords: Empregabilidade | Crise estrutural | Cidadania | Mercado consumidor | Formação humana | Empregabilidade | Structural crisis | Citizenship | Consuming market | Formation human being

ABSTRACT
O presente trabalho analisa, à luz da ontologia marxiana, a formação voltada para a empregabilidade contida nos Parâmetros Curriculares Nacionais (1998/1999), nos Temas Transversais (1998) e nas Diretrizes Curriculares Nacionais do Ensino Médio (1999). A análise desta problemática, com base nos fundamentos da perspectiva ontológico-marxiana, permitiu constatar que a formação na perspectiva da empregabilidade articula-se com as categorias da cidadania e do consumidor. A empregabilidade cumpre o papel de adequação dos indivíduos a um mercado de trabalho cada vez mais instável e em crise estrutural, tendo o campo da cidadania e do mercado consumidor como lugares naturais nas disputas e conquistas dos sujeitos sociais. A abordagem defendida pelos Parâmetros Curriculares Nacionais apresenta a sociabilidade do capital como algo insuperável e intocável, cabendo apenas transformar a consciência dos homens, capacitando-os para o enfretamento dos desafios de um mundo tecnologicamente desenvolvido e economicamente mundializado. A critica realizada por nossa análise, pauta-se na explicitação das implicações e limites dessa proposta para a formação humana, compreendendo que a proposta dos documentos analisados mantém os efeitos do trabalho alienado sobre o trabalhador, legitimando e naturalizando a desumanização inerente às relações sociais da sociabilidade capitalista. Quanto à vida coletiva, os Parâmetros Curriculares Nacionais e os Temas Transversais sugerem a cidadania e o mercado consumidor. Entendemos que essa vida coletiva tem uma existência abstrata e vazia de sentido, pois restringe-se ao espaço da política e do mercado, controlados e necessários à reprodução desse sistema. E por fim, tentamos demonstrar as possibilidades de uma atividade educativa que vislumbre uma formação para além do capital. The present work analyzes, to the light of the marxiana ontologia, the formation directed toward the empregabilidade contained in the National Curricular Parameters (1998/1999), in the Transversal Subjects (1998) and in the National Curricular Lines of direction of Average Ensino (1999). The analysis of this problematic one, on the basis of the beddings of the ontológico-marxiana perspective, allowed to evidence that the formation in the perspective of the empregabilidade is articulated with the categories of the citizenship and the consumer. The empregabilidade fulfills to the paper of adequacy of the individuals to a market of work each unstabler time and in structural crisis, having the field of the citizenship and the consuming market as natural places in the disputes and conquests of the social citizens. The boarding defended for the National Curricular Parameters presents the sociability of insuperável and untouchable the capital as something, fitting only to transform the conscience of the men, enabling them to the enfretamento of the challenges of a world tecnologicamente developed and economically mundializado. It criticizes it carried through for our analysis, guideline in the explicitação of the implications and limits of this proposal for the formation human being, understanding that the proposal of analyzed documents keeps the effect of the mentally ill work on the worker, legitimizing and naturalizing the inherent desumanização to the social relations of the capitalist sociability. How much to the collective life, the National Curricular Parameters and the Transversal Subjects suggest the citizenship and the consuming market. We understand that this collective life has an abstract and empty existence of direction, therefore restricts it the space of the politics and the market, controlled and necessary to the reproduction of this system. E finally, we try to demonstrate the possibilities of an educative activity that has glimpsed a formation for beyond the capital.
Affiliate Program     

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil