Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Eugenia negativa/positiva: o suposto colapso da natureza em J. Habermas

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Heck, José Nicolau

Journal: Veritas
ISSN 0042-3955

Volume: 51;
Issue: 201;
Start page: 42;
Date: 2006;
Original page

Keywords: HABERMAS | JÜRGEN - CRÍTICA E INTERPRETAÇÃO | FILOSOFIA DO DIREITO | ANTROPOLOGIA FILOSÓFICA

ABSTRACT
Há muito tempo o progresso científico provoca nossas convicções e ameaça deixar o discurso moral para trás. Mais recentemente, a polêmica em torno da persmissão ou proibição da eugenia negativa e positiva questiona nossa autocompreensão de natureza, moralidade e liberdade. O presente texto tem por objeto uma série de artigos de J. Habermas, convertidos posteriormente em livro, onde são expostos argumentos fortemente plausíveis em favor da tese da indisponibilidade da natureza humana no âmbito da eugenia positiva. Após contextuar o problema e mapeá-lo no horizonte filosófico, o trabalho apresenta a posição metafísica habermasiana, com destaque para a distinção entre eugenia negativa e positiva, e a confronta com os argumentos liberais dworkinianos acerca do tema. O artigo pleiteia a favor da tese de que a naturalidade humana consiste, desde os primórdios da espécie, em autocriação natural, de modo que cabe à moralidade e ao direito preencherem o vácuo do destino criado pela biotecnologia.
Why do you need a reservation system?      Save time & money - Smart Internet Solutions