Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

A experiência da pesquisa EnsinaSUS The experience of EnsinaSUS research

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Lilian Koifman | Regina Lúcia Monteiro Henriques

Journal: Trabalho, Educação e Saúde
ISSN 1678-1007

Volume: 5;
Issue: 1;
Start page: 161;
Date: 2007;
Original page

Keywords: formação em saúde | metodologia de pesquisa em saúde | integralidade | formation for health care workers | health research methodology | integrality

ABSTRACT
Este artigo descreve a trajetória do projeto EnsinaSUS, da pesquisa desenvolvida em seu interior e das múltiplas dimensões e implicações na direção do conhecimento das experiências que têm sido realizadas nos cursos da área de saúde em relação aos processos de mudança que estão em desenvolvimento. Pretendemos compartilhar a experiência de integração de pesquisadores, de diferentes origens institucionais e profissionais, na construção de um projeto comum, alimentado da vivência desses atores. Essa experiência almejou inovar e construir uma nova gramática para discussão e compreensão dos processos pedagógicos e sua interface com a saúde e o trabalho, na produção de um cuidado que se faça distinto na concepção da assistência à saúde, produzindo cuidado usuário-centrado, numa perspectiva dialógica e ético-política. Entendemos que as práticas de ensino e extensão funcionam como dispositivos abertos de um 'fazer-pensar-saber' em integralidade, forjando novas concepções, sentidos e significados da saúde, da vida, do conhecimento e da educação. Pautamo-nos na idéia de que as explicações da práxis pedagógica podem ser entendidas como possibilidade da construção histórica da cidadania. Encontramos alguns mecanismos de legitimação e canais de articulação, intercâmbio e solidariedade como resposta de interação de diversidades. A equipe representou a composição de redes de representação em espaços culturais e políticos plurais.This article describes the EnsinaSUS Project, the research developed within the project, and the various dimensions and implications that will lead to understanding the experiences that have been taking place in courses in the field of health care as regards their processes of change. Our aim is to share the experience of integrating researchers, coming from different institutional and professional backgrounds, in order to build a common project, based on their experience. The purpose of this project was to innovate and to build a new grammar so as to discuss and understand pedagogical processes and their interface with health and work, and so produce health care which is different in its concept of health assistance, thus producing a user-centred care, from a dialogical and politically-ethical viewpoint. We believe that teaching and extension practices open up an 'action-thought-knowledge' overall concept, promoting new concepts and meanings for health, life, knowledge and education. We also believe that explanations from pedagogical praxis may be seen as a possibility of historically building citizenship. We found that some mechanisms of legitimation and modes of articulation, exchange and solidarity are key to the interaction of diversity. The team was composed of representation networks from different political and cultural environments.
Why do you need a reservation system?      Affiliate Program