Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

A GESTÃO DE UNIVERSIDADES SOB A ÓTICA DA TEORIA DOS RECURSOS E CAPACIDADES

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Arnaldo Rosa de Andrade

Journal: Revista Eletrônica de Ciência Administrativa - RECADM
ISSN 1677-7387

Volume: 5;
Issue: 2;
Start page: 1;
Date: 2006;
Original page

ABSTRACT
Na literatura administrativa predominam as abordagens que consideram que a chave do êxito das organizações reside na sua adaptação às condições do ambiente externo. Assim, de acordo com este enfoque, as estratégias devem ser formuladas a partir de fatores externos tais como o grau de atratividade e o posicionamento da organização no setor. Embora este entendimento seja largamente difundido e aceito pela maioria dos executivos e estudiosos da área da administração estratégica, ele vem sendo confrontado pela teoria dos recursos e capacidades. Esta teoria propõe uma visão alternativa segundo a qual as estratégias devem ser formuladas a partir do “estoque” de recursos e capacidades internos da organização, e não a partir da análise do meio externo. Assim, este artigo aborda os fundamentos desta teoria e discute sua aplicação no meio universitário, propondo um modelo de formulação de estratégias a partir dos recursos e das capacidades organizacionais das instituições universitárias.
Why do you need a reservation system?      Affiliate Program