Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Growth curve in Mambrina goats raised in caatinga Curva de crescimento em caprinos, da raça Mambrina, criados na caatinga

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Paulo Luiz Souza Carneiro | Carlos Henrique Mendes Malhado | Paulo Roberto Antunes Mello Affonso | Derval Gomes Pereira | José Carlos Suzart | Milton Ribeiro Júnior | José Lindenberg Rocha Sarmento

Journal: Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal
ISSN 1519-9940

Volume: 10;
Issue: 3;
Date: 2009;
Original page

ABSTRACT
The objective of this work was to evaluate the application of non-linear models to describe the growth of Mambrina goats. Data from 18 monthly weights of 45 animals, at 540 days of age, were used. The non-linear models tested were: Brody, Von Bertalanffy, Richards, Logistic and Gompertz. The Logistic, Bertalanffy and Gompertz models presented the best adjustment, being the Logistic slightly superior to the others. Sex did not influence the curve parameters. Mambrina goats, mainly female individuals, present low weights at maturity, indicating they are well-adapted to the adverse conditions of the region. The individuals should be slaughtered early, before reaching the age of 240 days, since their growth is very slow from this age on. The correlation estimated between the parameters A and k was moderate and negative (-0,68), indicating that the more precocious the animals, less likely they will reach high weights when adults.Objetivou-se, neste estudo, analisar modelos não lineares para descrever o crescimento em caprinos da raça Mambrina. Foram utilizados dados de 18 pesagens (mensais) de 45 animais do nascimento aos 540 dias de idade. Os modelos não lineares utilizados foram: Brody, Von Bertalanffy, Richards, Logístico e Gompertz. Os modelos Logísticos Bertalanffy e Gompertz foram os que melhor se ajustaram aos dados, com pequena superioridade desse último. O sexo não influenciou significativamente os parâmetros da curva. Os animais da raça Mambrina são de baixo peso à maturidade, principalmente as fêmeas, o que pode indicar, além do déficit nutricional, a adaptação desses animais às condições adversas da região. Para as condições especificas de criação, devem ser abatidas, no máximo, em 240 dias, visto que, a partir dessa idade, o crescimento é muito lento. A correlação estimada entre os parâmetros A e k foi moderada e negativa (-0,68), indicando que os animais mais precoces possuem menores probabilidades de atingir pesos elevados à idade adulta.
Why do you need a reservation system?      Save time & money - Smart Internet Solutions