Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

A hipertermia durante o estro pode afetar o desempenho reprodutivo de fêmeas suínas

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Wentz Ivo | Bortolozzo Fernando Pandolfo | Brandt Guilherme | Heck Augusto | Bennemann Paulo Eduardo | Guidoni Antonio Lourenço | Uemoto Daniela Aparecida

Journal: Ciência Rural
ISSN 0103-8478

Volume: 31;
Issue: 4;
Start page: 651;
Date: 2001;
Original page

Keywords: suínos | temperatura corporal | eficiência reprodutiva

ABSTRACT
O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da hipertermia no dia da inseminação artificial (IA) até o 13º dia de gestação, sobre o desempenho reprodutivo de leitoas e porcas. No experimento 1, as 488 fêmeas foram divididas em dois grupos de acordo com a temperatura retal no dia da primeira inseminação artificial (IA), respectivamente, G1 = £39,5ºC (normotermia) e G2 = >39,5ºC (hipertermia). As fêmeas com hipertermia apresentaram taxas de retorno ao estro (TRE) maiores e taxas de parto (TP) e tamanho de leitegada (TL) menores (p

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil

     Affiliate Program