Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Incerteza, preferência pela liquidez e insuficiência de demanda efetiva: evidências empíricas sobre a crise financeira de 2008

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Luciano Braga | Simone Raimundini | Márcia Bianchi

Journal: ConTexto (Porto Alegre)
ISSN 1676-6016

Volume: 10;
Issue: 17;
Start page: 79;
Date: 2010;
Original page

Keywords: Incerteza. Preferência pela Liquidez. Demanda Efetiva. Índices de Liquidez

ABSTRACT
Os conceitos fundamentais na contribuição de Keynes para a ciência econômica e no desenvolvimento posterior oferecido pela escola pós-keynesiana, na tentativa de compreender o comportamento das empresas e a repercussão na economia são: incerteza, preferência pela liquidez e insuficiência de demanda efetiva. A noção de incerteza é intrínseca a um sistema que não pode ser reduzido a um conjunto de probabilidades. Num contexto de imprevisibilidade é possível que os agentes, em situação de instabilidade, prefiram aumentar a liquidez de seus ativos. Em se tratando de uma economia monetária moderna, uma escolha que aumente a liquidez como a decisão de entesourar moeda – ativo líquido por excelência – implica em redução de demanda. A proposta deste artigo é apresentar os resultados empíricos para os índices de liquidez das empresas listadas em bolsas de valores no Brasil e nos Estados Unidos. Foi confirmada, para o caso norte-americano, a preferência por liquidez em situações de incerteza, como ocorreu na crise financeira de 2008. No entanto, a análise empírica não evidenciou um aumento significativo da preferência pela liquidez na economia brasileira após a deflagração da crise financeira de 2008. O resultado, como previa a teoria, foi a redução das taxas de crescimento do PIB. É possível inferir que existe certa proficuidade nos elementos em estudo e fica reconhecida a necessidade de considerar a existência e a importância desses conceitos na compreensão da dinâmica macroeconômica.
Save time & money - Smart Internet Solutions      Why do you need a reservation system?