Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Liberdade é filha do conhecimento? Is freedom the child of knowledge?

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Nico Stehr | Joana Canêdo

Journal: Tempo Social
ISSN 0103-2070

Volume: 20;
Issue: 2;
Start page: 221;
Date: 2008;
Original page

Keywords: Conhecimento | Poder | Expertise | Sociedade civil | Sociedade do conhecimento | Democracia | Knowledge | Power | Expertise | Civil Society | Knowledge Society | Democracy

ABSTRACT
O tema que exploro neste artigo concerne às múltiplas conexões entre conhecimento, socieda-de civil, governança e democracia. Poderia situar esse conjunto geral de questões no contexto de como tais conexões se estabelecem: se são ou não co-determinadas por uma capacidade dos atores modernos de viabilizar o conhecimento. Assim, enfatizaria as possibilidades cres-centes de cooperação recíproca em organizações da sociedade civil e movimentos sociais, e a influência cada vez maior de amplos segmentos da sociedade em regimes democráticos. Po-rém meu objetivo específico tem de ser mais modesto. O acesso ao conhecimento e o seu controle são estratificados. Explorarei três barreiras e obstáculos ao acesso ao conhecimento, indagando: 1) é possível reconciliar expertise e sociedade civil?; 2) é concebível reconciliar sociedade civil e conhecimento como um bem privado?; e, finalmente, 3) as ciências sociais e as humanidades são fontes viabilizadoras do conhecimento?The theme explored in this paper concerns the multiple linkages between knowledge, civil society, governance and democracy. I could place this general set of questions within the context of whether or not they are co-determined by the enabling knowledgeability of modern actors and stress the growing possibilities for reflexive cooperation among civil society organizations and social movements, as well as the increasing influence of broad sectors of society in democratic regimes. However my specific objective is necessarily more modest. Access to knowledge and its control are stratified. I shall explore three barriers and hurdles to the access to knowledge and ask: (1) can expertise and civil society be reconciled? (2) is it conceivable to reconcile civil society and knowledge as a form of private property? (3) and finally, are the social sciences and humanities a source for enabling knowledge?
Why do you need a reservation system?      Affiliate Program