Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Metabolizable energy levels in the rations of Santa Ines sheep: weight of internal organs and digestive tract
Níveis de energia metabolizável em rações de ovinos Santa Inês: peso dos órgãos internos e do trato digestório

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Rildson Melo Fontenele | Elzânia Sales Pereira | Patrícia Guimarães Pimentel | Ivone Yurika Mizubuti | Antônia Lucivânia de Sousa Monte | Magno José Duarte Candido | José Gilson Louzada Regadas Filho | José Nery Rocha Junior

Journal: Semina : Ciências Agrárias
ISSN 1676-546X

Volume: 31;
Issue: 4;
Start page: 1095;
Date: 2010;
Original page

Keywords: Concentrado | Conteúdo gastrintestinal | Pequenos ruminantes

ABSTRACT
It was evaluated the effect of different levels of metabolizable energy in the rations on the weight of internal organs, gastrointestinal compartments and content of the gastrointestinal tract (CGT). Twenty growing Santa Ines sheep were used, with age and body weight of 50 days and 13.00 kg, respectively. The animals were allotted into four experimental treatments with different levels of metabolizable energy (2.08, 2.28, 2.47 and 2.69 Mcal/kgDM) in a randomized block design with five replications. There was no influence of the metabolizable energy (ME) levels on the weights of the heart, lungs and CGT, expressed in kg and %, as well as kidney and spleen, expressed in %. There was linear increase for the weights in kg and % of the liver. Quadratic and linear effects were observed for the weights, in kg, of kidneys and spleen, respectively. However, there was no influence of the energy levels of experimental rations on weight, in kg, of rumen-reticulum and omasum as well as to the abomasum, in kg and %, and to the small intestine, expressed in %. As for the weight of the rumen-reticulum and omasum, expressed in %, it was observed linear decrease, of the weight of these organs, with increased levels of ME. The weight of the small intestine, in kg, was positively influenced depending on the levels of ME of the experimental diets. As for the weight, in kg and %, of the large intestine, it was observed linear and quadratic increases, respectively, with the levels of ME in the experimental rations. In this study, no significant effect was observed for the weights, in kg and %, of the pelvic, mesenteric and heart fats. Increased levels of metabolizable energy of the rations influences the weight of internal organs of growing Santa Inês sheep.Avaliou-se o efeito de diferentes níveis de energia metabolizável nas rações sobre o peso dos órgãos internos, compartimentos gastrintestinais e conteúdo do trato gastrointestinal (CTGI). Foram utilizados 20 ovinos Santa Inês em crescimento, com idade e peso corporal médio de 50 dias e 13,00 kg, respectivamente. Os animais foram distribuídos em quatro tratamentos experimentais com diferentes níveis de energia metabolizável (2,08; 2,28; 2,47 e 2,69 Mcal de EM/kgMS), em delineamento em blocos casualizados, com cinco repetições. Não foi observada influência dos níveis de energia metabolizável (EM) sobre os pesos do coração, pulmões e CTGI, expressos em kg e %, assim como rins e baço, expressos em %. Houve aumento linear para os pesos, em kg e %, do fígado. Detectou-se, efeito quadrático e linear para os pesos, em kg, dos rins e baço, respectivamente. Entretanto, não foi observada influência dos níveis energéticos das rações experimentais sobre os pesos, em kg, do rúmen-retículo e omaso bem como para o abomaso, em kg e %, e para o intestino delgado, expresso em %. Já para o peso do rúmen-retículo e omaso, expressos em %, observou-se decréscimo linear, do peso desses órgãos, com o aumento dos níveis de energia metabolizável. O peso do intestino delgado, em kg, foi influenciado positivamente em função dos níveis de EM das rações experimentais. Para os pesos, em kg e %, do intestino grosso, foi observado efeito linear e quadrático, respectivamente, à medida que aumentava-se os níveis de EM nas rações experimentais. Neste estudo, foi observado efeito significativo para os pesos, em kg e %, das gorduras perirenal, mesentérica e do coração. O aumento dos níveis de energia metabolizável das rações influencia o peso dos órgãos internos de ovinos Santa Inês em crescimento.

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona

     Affiliate Program