Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Moradia escrava na era do tráfico ilegal: senzalas rurais no Brasil e em Cuba, c. 1830-1860

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Bivar Marquese, Rafael de

Journal: Anais do Museu Paulista
ISSN 0101-4714

Volume: 13;
Issue: 2;
Start page: 165;
Date: 2005;
Original page

Keywords: Moradia escrava. Fazendas. Tráfico transatlântico. Controle social. Cuba. Brasil.

ABSTRACT
Há um bom tempo a historiografia sobre a escravidão nas Américas analisa o tema da moradia escrava. O debate nas últimas décadas tem girado em torno da discussão da autonomia escrava e do controle senhorial na construção desses espaços, centrando-se em especial na investigação das matrizes africanas das moradias rurais erigidas pelos cativos. Examino, no artigo, a novidade histórica representada por dois tipos específicos de moradia que apareceram após o segundo quartel do século XIX: o barracão de pátio do cinturão açucareiro cubano (na região de Matanzas-Cárdenas-Cienfuegos) e a senzala em quadra do Vale do Paraíba cafeeiro (no Centro-Sul do Império do Brasil). O trabalho demonstra que houve uma articulação histórica estreita entre esses dois arranjos arquitetônicos, passando pela apropriação de certas práticas do tráfico de escravos em solo africano.
Affiliate Program      Why do you need a reservation system?