Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Morbidade referida e utilização de serviços de saúde em localidades urbanas brasileiras: metodologia

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Cesar Chester L. G. | Figueiredo Gerusa Maria | Westphal Márcia F. | Cardoso Maria Regina A. | Costa Maria Zilda de A. | Gattás Vera Lucia

Journal: Revista de Saúde Pública
ISSN 0034-8910

Volume: 30;
Issue: 2;
Start page: 153;
Date: 1996;
Original page

Keywords: Serviços de saúde/utilização | Morbidade | Pesquisa sobre serviços de saúde/métodos

ABSTRACT
A reformulação do sistema de saúde, que vem ocorrendo em nível nacional e particularmente no Estado de São Paulo, tem motivado revisões do processo de planejamento, criando novas necessidades na área de informações. A criação do Sistema Único de Saúde e o processo de municipalização retomaram as propostas de integração das atividades curativas e preventivas, bem como a estruturação de sistemas de saúde regionalizados e hierarquizados. Nesse contexto, surgem como áreas de conhecimento, de particular interesse, o perfil de morbidade populacional e o padrão de utilização de serviços de saúde. As respostas a essas necessidades podem ser dadas por inquéritos domiciliares de saúde. Descreve-se a metodologia utilizada em um inquérito domiciliar realizado em municípios da região sudoeste da Área Metropolitana de São Paulo, SP, Brasil, no período de julho de 1989 a junho de 1990. Esse inquérito apresenta algumas características metodológicas específicas, entre elas o processo amostral utilizado, que definiu domínios para a amostra que permitiram análise de grupos pouco representados na população, como os menores de um ano de idade e a população idosa, bem como o ajuste da amostra a partir dos dados censitários de 1991.
Affiliate Program     

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona