Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Os negros, a diversidade etnicorracial e a escola: o tratamento didático-pedagógico da história e cultura afro-brasileira em dois livros de história do brasil da primeira metade do século XX

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Cristina Carla Sacramento | Laerthe de Moraes Abreu Jr.

Journal: Reflexão & Ação
ISSN 0103-8842

Volume: 21;
Issue: nesp.;
Start page: 218;
Date: 2013;
Original page

Keywords: Os negros no Brasil | Diversidade etnicorracial | Prática Pedagógica | Políticas afirmativas

ABSTRACT
Este trabalho pretende analisar numa perspectiva histórica as relações estabelecidas entre a diversidade etnicorracial brasileira e o tratamento didático-pedagógico da História e Cultura Afro-Brasileira em dois livros de História do Brasil da primeira metade do século XX, partindo do pressuposto de que esses materiais pedagógicos também exerceram no período pesquisado a função de transmitir valores e condutas desejáveis àquela sociedade. Ademais, tornou-se importante destacar as denúncias do movimento negro em relação à ausência de discussões nas instituições escolares sobre a temática afro-brasileira e a reprodução de preconceitos que contribuiriam para alienar os negros e ao mesmo tempo restringir seu acesso a bens materiais e culturais. Essa iniciativaculminou na implementação de políticas de ação afirmativa por parte do governo, cuja função é propiciar o reconhecimento e a valorização das diversas etnias que compõem a sociedade brasileira.Abstract This study aims to examine, from a historical perspective, the relations between ethnic-racial diversity in Brazil and didactic-pedagogic treatment of Afro-Brazilian history and culture in two books, concerning History Brazil, issued in the first half of the twentieth century, assuming that these teaching materials also exercised in that period the function of transmitting values and behaviors desirable to that society. Moreover, it is important to highlight the complaints of the black movement in relation to the absence of school discussions about the African-Brazilian question and the reproduction of prejudices that contribute to alienate black people while restricting their access to material and cultural goods. This initiative culminated in the implementation of affirmative action policies by the government, in order to promote the recognition and appreciation of the many ethnic groups that make up Brazilian society.
Affiliate Program      Why do you need a reservation system?