Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Perdas de grãos na colheita mecanizada do arroz de terras altas em função das velocidades de deslocamento e do molinete

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Elton Fialho Reis | Greice Resende Borges | Jose Geraldo da Silva | Jaison Pereira de Oliveira

Journal: Comunicata Scientiae
ISSN 2176-9079

Volume: 4;
Issue: 1;
Start page: 12;
Date: 2013;
Original page

Keywords: Oriza sativa L. | mecanização agrícola | análise de correspondência

ABSTRACT
A colheita mecanizada tem experimentado grande evolução tecnológica, em busca de minimizaras perdas que podem ser parcialmente evitadas, tomando-se alguns cuidados de regulagem. Oobjetivo deste trabalho foi determinar as perdas de grãos no momento da colheita em funçãodas velocidades de deslocamento e do molinete. Foi instalado um experimento em Abadiânia,Goiás, seguindo o delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4x4, com trêsrepetições. Os tratamentos consistiram de quatro velocidades de operação (Vo1= 2,6 km h-1,Vo2= 3,3 km h-1, Vo3= 5,0 km h-1 e Vo4= 6,4 km h-1) e quatro velocidades do molinete, relativamenteà velocidade da máquina (9%, 16%, 23% e 29% superior à velocidade da máquina). Foramdeterminadas as perdas da plataforma de corte, mecanismos internos e o total da colheita. Osgrãos foram colhidos com umidade de 18% b.u. Os dados foram submetidos à análise de variânciae explorados utilizando-se a análise de correspondência (AC). Os resultados permitiram concluir: i)as perdas analisadas estiveram próximas do limite aceitável; ii) a interação entre as velocidades deoperação e do molinete interfere nas perdas provocadas pela plataforma de corte; e iii) a análisede correspondência possibilita uma análise da relação entre as velocidades de operação e domolinete da colhedora sobre as perdas de grãos na colheita.
Affiliate Program      Why do you need a reservation system?