Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Perfil soroepidemiológico da infecção pelo vírus da hepatite B em profissionais das unidades de hemodiálise de Goiânia-Goiás, Brasil Central

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Lopes Carmen Luci Rodrigues | Martins Regina Maria Bringel | Araújo Teles Sheila | Silva Simone Almeida e | Maggi Priscila Souza | Yoshida Clara Fumiko Tachibana

Journal: Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical
ISSN 0037-8682

Volume: 34;
Issue: 6;
Start page: 543;
Date: 2001;
Original page

Keywords: Hepatite B | Vírus da hepatite B | Profissionais | Hemodiálise

ABSTRACT
Para investigar o perfil da infecção pelo vírus da hepatite B (VHB) em profissionais de hemodiálise (N=152) de Goiânia, Goiás, amostras sangüíneas foram testadas para detecção dos marcadores: AgHBs, anti-HBs e anti-HBc. Uma prevalência global de 24,3% (IC 95%: 17,8 - 32) foi encontrada. A análise multivariada dos fatores de risco mostrou que o tempo de profissão, relato de exposição ocupacional e o não uso de equipamentos de proteção estiveram significativamente associados à soropositividade ao VHB. Dos 40 profissionais que apresentaram susceptibilidade a esta infecção, 20 concordaram em participar do programa de vacinação e, após a administração das três doses da vacina (Euvax-B), 18 (90%) apresentaram soroconversão ao anti-HBs com títulos > ou = 10UI/L. Estes dados sugerem, o ambiente dialítico, como possível fonte de transmissão ocupacional do VHB e, enfatizam a necessidade de reavaliação das medidas de controle e prevenção nestas unidades.
Why do you need a reservation system?      Save time & money - Smart Internet Solutions