Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Pessoas que vivem com HIV/AIDS em Florianópolis/SC, Brasil: ocupação e status socioeconômico ocupacional (1986-2006)

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Janelice de Azevedo Neves Bastiani | Maria Itayra Coelho de Souza Padilha | Mariana Vieira | Isabel Cristina Alves Maliska | Ana Rosete Camargo Rodrigues Maia

Journal: Revista Eletrônica de Enfermagem
ISSN 1518-1944

Volume: 14;
Issue: 3;
Start page: 579;
Date: 2012;
VIEW PDF   PDF DOWNLOAD PDF   Download PDF Original page

Keywords: Síndrome da Imunodeficiência Adquirida | Ocupação | Fatores Socioeconômicos.

ABSTRACT
Este estudo teve como objetivo analisar a distribuição das pessoas adultas que vivem com a Síndrome da Imunodeficiência Humana Adquirida (AIDS) em Florianópolis/SC, entre 1986 e 2006. Estudo histórico de 3.209 casos de AIDS, com dados coletados no Setor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, entre março e abril de 2010. A análise dos dados aborda ocupação no mercado de trabalho e sexo; condição socioeconômica dos casos com idade entre 20 e 49 anos; categoria de exposição e sexo. A AIDS afeta subgrupos e vulneráveis potenciais. Mulheres ocupam a Categoria Não Ocupada nos Afazeres Domésticos e homens ocupam a Categoria Não Ocupado como Estudantes e Aposentados/Pensionistas. Quanto ao Status Socioeconômico Ocupacional, as mulheres se encontram entre o 4º e 5°, e os homens entre o 1º e 5º. Os resultados sugerem que as ações de prevenção ao HIV/AIDS devem ser planejadas para atendimento dos subgrupos com vulnerabilidade potencial.
Why do you need a reservation system?      Save time & money - Smart Internet Solutions