Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Physiological parameters in lambs (1/2 and 3/4 Dorper) from birth until 90 days old Parâmetros fisiológicos de cordeiros mestiços (1/2 e 3/4 Dorper) do nascimento até os 90 dias de idade

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Carla Caroline Valença de Lima | Débora de Fátima Matias da Silva | Joselito Nunes Costa | Antônio Oliveira Costa Neto | Thiago Sampaio de Souza

Journal: Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal
ISSN 1519-9940

Volume: 11;
Issue: 2;
Date: 2010;
Original page

ABSTRACT
It was aimed to verify the physiological parameters in crossbreed lambs (1/2 and 3/4 Dorper) from birth until 90 days old. Forty-five healthy offspring of pluriparous sheep were monitored. Lambs were followed from birth until weaning at 90 days. Clinical evaluations were recorded 24-72h after birth and at 7; 15; 30; 60 and 90 days of age (when weaning was performed). There was no difference in rectal temperature variation. It was observed a significant decline in the cardiac frequency from birth until 60 days. There was a significant decrease in respiratory frequency until 30 days, when this parameter was stabilized. Ruminal frequency was evaluated from 30 until 90 days old and there was an increase in this parameter until 60 days. Parameters demonstrated greater average values for cardiac and respiratory frequencies. However, the superiority of these values must be justified by the likely adaptation of Dorper crossbred animals to the climatic conditions to keep the homeothermy.Objetivou-se com o presente trabalho avaliar os parâmetros fisiológicos em cordeiros mestiços Dorper (1/2 e 3/4) criados a campo, do nascimento até os 90 dias de idade. Foram utilizados 45 cordeiros nascidos de ovelhas saudáveis e pluríparas. Esses animais foram acompanhados do nascimento até o desmame, e avaliações clínicas foram realizadas logo após o nascimento (24-72h) e aos 7; 15; 30; 45; 60; 75 e 90 dias de idade (quando foi realizado o desmame). Não foi verificada diferença significativa na variação da temperatura retal com o avançar da idade. Observou-se uma diminuição significativa da frequência cardíaca, do nascimento até os 60 dias, e na frequência respiratória com o aumento da idade até os 30 dias, quando ocorreu uma estabilização deste parâmetro. A frequência de movimento ruminal avaliada a partir dos 30 dias apresentou aumento até os 60 dias. Os parâmetros observados demonstraram maiores valores médios para as frequências respiratória e cardíaca, nas faixas etárias analisadas. Entretanto, a superioridade dos valores se justifica provavelmente pelo efeito da adaptação da raça Dorper às condições climáticas do nordeste brasileiro, como forma de dissipação de calor para manter a homeotermia.

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil

     Affiliate Program