Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Policidadania: formação mistagógica do docente

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Elcio Alberton

Journal: Roteiro
ISSN 0104-4311

Volume: 35 v.1;
Start page: 53;
Date: 2010;
Original page

ABSTRACT
O texto a seguir tem por objetivo apresentar uma proposta de política pública para a formação de docentes que considere muito mais do que os aspectos intelectuais e cognitivos na formação de docentes. As expressões policidadania e mistagogia empregadas ao longo das reflexões têm o intuito de ajudar a perceber que a proposta em questão adquire uma impostação particular e bastante nova no mundo da educação. Os dois vocábulos são conceituados e descritos como uma nova feição em relação à formação e às políticas públicas para as quais todos são chamados a se voltar quando se trata de estabelecer um processo formativo e de gestão na educação. No conjunto do texto, é possível perceber que uma coerente política de formação de professores exige superar a mera transmissão de conhecimentos e tende necessariamente a se abrir para uma nova forma de ver o sistema educativo como instrumento formador de cidadãos integrados e integradores. No decorrer do processo formativo e ao longo do exercício profissional, mais do que receptáculos de conteúdo, os educadores merecem ser reconhecidos e tratados como pessoas antes que vistos na condição de profissionais. O eixo integrador da proposta está fundamentado no ensino social da Igreja Católica e sua participação no campo da educação e formação do cidadão em sua função de educador e formador.
Save time & money - Smart Internet Solutions      Why do you need a reservation system?