Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Professores que lecionam matemática na EJA: concepções e práticas letivas

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Andréa Thees | Maria Cecilia Fantinato

Journal: Reflexão & Ação
ISSN 0103-8842

Volume: 20;
Issue: 2;
Start page: 267;
Date: 2012;
Original page

Keywords: Educação Matemática | Práticas Letivas | Educação de Jovens e Adultos

ABSTRACT
Este trabalho representa um recorte de uma pesquisa de Mestrado que consistiu em investigar como são desenvolvidas as práticas profissionais letivas e não letivas de professores de matemática que lecionam na EJA. Neste texto apresentamos as práticas de gestão curricular, tarefas e materiais, comunicação e avaliação. Por meio de um estudo de caso do cotidiano de três professores de matemática que lecionam para pessoas jovens e adultas, desenvolveu-se uma pesquisa qualitativa, cujos instrumentos investigativos foram as observações de campo, as entrevistas semiestruturadas e a aplicação de questionários. Nosso estudo indicou que as práticas de gestão curricular são determinadas por um estilo de ensino direto e expositivo, baseado na resolução de exercícios. Em relação às tarefas propostas, os professores pouco recorrem a outros materiais didáticos, além do quadro e do giz, e raramente utilizam o livro didático. A comunicação na sala de aula é unívoca, algumas vezes complementada por metáforas inadequadas, principalmente, no ensino de álgebra. As práticas de avaliação dos alunos são, predominantemente, focadas na função somativa.Abstract This work represents a subset of a Masters’ research, which investigated how the pedagogical and non-pedagogical professional practices of mathematics teachers who teach in adult education are developed. In this paper we present the curricular management practices, tasks and materials, communication and evaluation. Through a case study of the daily activities of three math teachers who teach young people and adults, a qualitative research was developed, whose investigative tools were field observations, semi-structured interviews and questionnaires. Our study indicated that curriculum management practices are determined by a straightforward exposition teaching style, based on problem solving. Regarding the proposed tasks, teachers do not resort to learning materials other than blackboard and chalk, and rarely use the textbook. Communication in the classroom is univocal, sometimes supplemented by inadequate metaphors, especially in the teaching of algebra. The practices of student evaluation are predominantly focused on the summative function.
Affiliate Program      Why do you need a reservation system?