Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

QUALIDADE MICROBIOLÓGICA DE ÁGUAS MINERAIS NÃO CARBONATADAS EM EMBALAGENS DE 1,5 LITROS, COMERCIALIZADAS EM ARARAQUARA-SP

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Adalberto FARACHE FILHO | Maria Fernanda Falcone DIAS | Priscila Hiromi TAROMARU | Camila de Souza CERQUEIRA | Joselma Gomes DUQUE

Journal: Alimentos e Nutrição
ISSN 0103-4235

Volume: 19;
Issue: 4;
Start page: 421;
Date: 2009;
Original page

Keywords: Águas minerais | bacteriologia | coliformes | bactérias heterotróficas | Pseudomonas aeruginosa.

ABSTRACT
Esta pesquisa teve como objetivo avaliar aspectos da qualidade microbiológica em amostras de água mineral natural em garrafas de 1,5 L. Foram analisadas 110 amostras de águas minerais, cinco de cada uma das 22 marcas comercializadas em supermercados da cidade de Araraquara-SP. Para análise de coliformes totais e coliformes fecais/Escherichia coli (E. coli) utilizou-se a técnica de substratos cromogênicos; para Pseudomonas aeruginosa utilizou-se a técnica de tubos múltiplos e para contagem de bactérias heterotróficas empregou-se a técnica de cultivo em profundidade. Verificou-se que todas as amostras foram negativas para coliformes totais e coliformes fecais/E. coli, cinco amostras (4,5%) provenientes de quatro marcas (18,18%) foram positivas para Pseudomonas aeruginosa, para bactérias heterotróficas 40 amostras (36,4%) de 9 marcas (40,9%) não atenderam ao padrão adotado apresentando contagens superiores a 500 unidades formadoras de colônias/mL. A maioria das amostras atendeu aos padrões para coliformes totais, coliformes fecais/E. coli e Pseudomonas aeruginosa em acordo com a legislação vigente para água mineral, entretanto grande parte das amostras (36,4%) proveniente de nove marcas (40,9%) tiveram contagem para bactérias heterotróficos maior que 500 UFC/mL (Unidade Formadora de Colônia), gerando dúvidas quanto à segurança e qualidade dessas águas para consumo humano.
Affiliate Program      Why do you need a reservation system?