Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

A relação entre pai e filho(s) após a separação conjugal

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Karina Silva Molon de Souza | Luciane Najar Smeha | Jessica Cerezer Arend

Journal: Barbarói
ISSN 1982-2022

Volume: 2;
Issue: 37;
Start page: 7;
Date: 2012;
Original page

Keywords: Paternidade | Separação conjugal | Relação pai-filho

ABSTRACT
A relação entre pai e filho(s), após a separação conjugal, é um tema que é discutido na atualidade em decorrência das novas configurações familiares. Em virtude dessa realidade, foi realizado um estudo com o objetivo de compreender a relação entre o pai e seus filhos após o término do casamento. A pesquisa foi desenvolvida sob a abordagem qualitativa e teve caráter exploratório. Participaram do estudo quatro pais separados conjugalmente e que não possuem a guarda dos filhos. Os dados, por sua vez, foram colhidos por meio de entrevistas. Os depoimentos dos participantes do estudo foram analisados pela técnica de Análise de Conteúdo, cujo princípio básico é investigar, pela descrição objetiva, sistemática e qualitativa, o conteúdo que é comunicado. Como resultados, no estudo apontam-se as novas organizações sociais na família, nas quais os pais têm se mostrado mais participativos e envolvidos com os filhos, dispondo-se a investir mais na relação entre ambos. Contudo, foi possível perceber que a separação conjugal gera conflitos e sentimentos nesses pais: angústia, frustração e exclusão, mas, apesar disso, esse fato pode possibilitar uma reconstrução afetiva entre pai e filhos, fortalecendo sua relação. Abstract The relationship between father and children after divorce has been broadly discussed in the last years due to the new family configurations. To address this issue, an exploratory qualitative study was conducted in order to understand such relationship. The research involved four legally divorced men, that do not have custody of the children, and data were collect from interviews. Testimonials were submitted to the Content Analysis technique, which is used to investigate messages through the objective, systematic and qualitative description. The results showed the new social organizations of the genus relationships, where fathers showed to be more participative and connected with their kids, and are also disposed to invest more in such relationship. It was observed that the present study showed that the legal dissolution of a marriage incites awful conflicts for fathers, like distress, frustration and exclusion, but nevertheless, this fact makes possible a reconstruction of affection between father and children, strengthening the relationship.
Why do you need a reservation system?      Affiliate Program