Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Replacement of whole corn grain by oat grain on performance of fedlot lambs receiving high grain diets
Substituição de milho grão inteiro por aveia preta grão no desempenho de cordeiros confinados recebendo dietas com alto grão

ADD TO MY LIST
 
Author(s): César Aparecido de Araujo Borges | Edson Luis de Azambuja Ribeiro | Ivone Yurika Mizubuti | Leandro da Dores Ferreira da Silva | Elzânia Sales Pereira | Tiago Galafassi Zarpelon | Camila Constantino | Ricardo Favero

Journal: Semina : Ciências Agrárias
ISSN 1676-546X

Volume: 32;
Issue: Suplemento 1;
Start page: 2012;
Date: 2011;
Original page

Keywords: Amido | Confinamento | Ovinos | Rações.

ABSTRACT
This study aimed to evaluate the effects of different levels of replacement of whole corn grain by oats grain (0, 15 and 30% natural base), in rations based in concentrates on dry matter and nutrients intake, performance and economic viability of fedlot lambs. Twenty-four Texel lambs were used, being 12 non castrated males and 12 females; with average weight of 24.0 ± 2.8 kg. Lambs were housed in 12 pens, being two lambs per pen, and distributed in a completely randomized design into three experimental treatments. The animals received the experimental diets twice a day to allow 15% surplus. The treatments did not differ significantly for dry matter intake, feed conversion, hot and cold carcass weight, carcass yield, cooling losses, conformation and finishing scores. The increasing inclusion of oats as a replacement for corn grain showed linear increases in crude protein, crude fiber and neutral detergent fiber consumptions, and quadratic effect on intake of ether extract. The replacement of corn grain by oats grain in diets without roughage, up to 30%, can be used without interfering with the results of growth performance. The inclusion of 30% of oats is the most suitable, because it provided the highest gross margin.Este trabalho teve como objetivo avaliar os efeitos de diferentes níveis de substituição do milho grão inteiro por aveia preta grão (0, 15 e 30% base natural), em rações a base de concentrados sobre o consumo de matéria seca e de nutrientes, o desempenho e a viabilidade econômica de ovinos confinados. Foram utilizados 24 ovinos da raça Texel, sendo 12 machos inteiros e 12 fêmeas da mesma idade, com peso médio inicial de 24,0 ± 2,8 kg, distribuídos em 12 baias, sendo alojados dois animais de gêneros distintos por baia, e distribuídos em delineamento inteiramente casualizado em três tratamentos experimentais. Os animais receberam as rações experimentais duas vezes ao dia, de modo a permitir sobras de 15%. Os tratamentos não apresentaram diferença estatística para consumo de matéria seca, conversão alimentar, pesos de carcaça quente e fria, rendimentos de carcaça quente e fria, perdas no resfriamento, conformação e acabamento. A crescente inclusão de aveia preta em substituição ao milho inteiro apresentou efeito linear crescente sobre o consumo de proteína bruta, fibra bruta e fibra em detergente neutro e efeito quadrático sobre o consumo de extrato etéreo. A substituição do milho inteiro por aveia em rações sem forragem, em até 30%, pode ser utilizada sem interferir nos resultados de desempenho. A inclusão de 30% de aveia é a mais indicada, pois proporcionou a maior margem bruta.

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil

     Affiliate Program