Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

O significado de ser pai na ótica de casais grávidos: limitações e facilidades

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Maria de Fátima Mota Zampieri | Joice Cristina Guesser | Beatriz Belém Buendgens | Jerusa Mendes Junckes | Ingrid Gonçalves Rodrigues

Journal: Revista Eletrônica de Enfermagem
ISSN 1518-1944

Volume: 14;
Issue: 3;
Start page: 483;
Date: 2012;
VIEW PDF   PDF DOWNLOAD PDF   Download PDF Original page

Keywords: Paternidade | Enfermagem | Educação em Saúde | Gestação | Pai.

ABSTRACT
Pesquisa qualitativa com cinco casais grávidos, visando conhecer o significado de ser pai, os aspectos limitantes e favoráveis neste processo. Os dados foram coletados por meio de entrevistas e depoimentos durante as visitas e prática educativa. Após análise emergiram dois significados de “ser pai”: pai provedor da família, pai afetivo e envolvido com o processo de nascimento e filhos. A participação do pai deu-se em função da sua disponibilidade e presença em grupos educativos, do estímulo da mulher e dos profissionais. Os fatores limitantes foram: machismo, trabalho, desconhecimento dos direitos, oposição das mulheres, despreparo dos profissionais e atividades educativas insuficientes. Conclui-se que, na medida em que o homem se envolve com a gravidez, companheira e filho, ele constrói e sedimenta o papel de pai, favorecendo o desenvolvimento psicoafetivo do filho. O apoio e abertura das mulheres e dos profissionais são fundamentais. O estudo pode subsidiar mudanças nas práticas de saúde.
Why do you need a reservation system?      Save time & money - Smart Internet Solutions