Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Sistemas de incentivos gerenciais e o risco das empresas do Estado do Espírito Santo

ADD TO MY LIST
 
Author(s): ARIDELMO JOSÉ CAMPANHARO TEIXEIRA | Graziela Xavier Fortunato | ARILDA MAGNA CAMPAGNARO TEIxEIRA | Kadija Celante Pizeta

Journal: Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade
ISSN 1981-8610

Volume: 5;
Issue: esp;
Start page: 23;
Date: 2011;
Original page

Keywords: Conflito de Interesse | Remuneração Variável | Teoria de Agência

ABSTRACT
O estudo objetivou verificar a relação entre o nível risco da empresa e os incentivos gerenciais oferecidos aos gestores de tais empresas. Essa ideia foi baseada na Teoria de Agência que prevê que as empresas, ao oferecerem sistemas de incentivos aos gestores, tendem a alcançar o alinhamento de interesses entre os agentes. Dessa forma, é esperado que os gestores não assumam riscos em níveis acima dos requeridos pelos acionistas. Portanto, os riscos atribuídos às empresas estariam associados à presença de incentivos oferecidos aos gestores. Essa é uma análise empírica com amostra composta pelas empresas presentes na classificação das 200 maiores empresas do Estado do Espírito Santo, publicada pela revista Findes, edição de 2008. A coleta de dados ocorreu no período de maio a dezembro de 2009, por meio de entrevista pessoal in loco, com aplicação de questionário semiestruturado para identificar as empresas que aplicavam sistemas de incentivo e para extrair as variáveis aplicadas no modelo de regressão logística. Os resultados encontrados levantam evidências de que não há relação entre o nível de risco das empresas e os sistemas de incentivos oferecidos aos gestores.
Affiliate Program      Why do you need a reservation system?