Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Uso da Técnica do Micro-Hematócrito para Predição do Peso Corporal e de Características Reprodutivas em Frangos de Corte

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Rosário Millor Fernandes do | Savino Vicente José Maria | Coelho Antonio Augusto Domingos | Silva Marco Aurélio Neves da | Martins Edmilson

Journal: Revista Brasileira de Zootecnia
ISSN 1516-3598

Volume: 31;
Issue: 3suppl;
Start page: 1396;
Date: 2002;
Original page

Keywords: ascite | eritrócito | genótipo | melhoramento animal

ABSTRACT
O hematócrito é uma metodologia indireta utilizada no monitoramento da síndrome ascítica que poderia ser utilizada também para avaliar o peso corporal e características reprodutivas em frangos de corte. Objetivou-se com este trabalho avaliar a técnica do micro-hematócrito em relação ao peso corporal e características reprodutivas (fertilidade, eclodibilidade e nascimento) visando sua utilização pelos programas de melhoramento genético. Dois grupos contrastantes foram constituídos, baseados na seleção fenotípica de 630 reprodutores de 18 genótipos para a característica hematócrito. Progênies das aves selecionadas, 74 pintos não sexados (40 do grupo de hematócrito alto e 34 do grupo baixo) foram criados com manejo convencional. Os pesos corporais e os valores de hematócrito foram mensurados aos 14 e 42 dias de idade. Para avaliar as características reprodutivas, ovos de 42 matrizes (22 do grupo alto e 20 do baixo) foram incubados. As médias foram estimadas utilizando-se um modelo linear com o efeito fixo do grupo genético. Os pintos do grupo baixo apresentaram as maiores médias de peso corporal (305,59 e 1387,06 g), diferindo dos pintos do grupo alto os quais apresentaram médias de peso de 243,56 e 1128,11 g aos 14 e 42 dias de idade, respectivamente. Também para o valor do hematócrito os grupos diferiram significativamente. Para as características reprodutivas, não se verificou diferenças significativas entre os grupos, sendo as médias gerais para fertilidade de 93,8 e 94,9%, para eclodibilidade de 98,2 e 93,9% e para nascimento de 89,3 e 82,4%, respectivamente, para alto e baixo hematócrito. Concluiu-se que a técnica do micro-hematócrito pode ser empregada para avaliação do peso corporal, mas não para características reprodutivas.
Save time & money - Smart Internet Solutions     

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona