Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Absenteeism at a Medium Size Philanthropic Hospital Absenteísmo em Hospital Filantrópico de Médio Porte

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Roseli Landgraf Fernandes | Maria do Carmo Lourenço Haddad | Adriana Estela Pinesso Morais | Ilidia Terezinha Martelli Takahashi

Journal: Semina : Ciências Biológicas e da Saúde
ISSN 1676-5435

Volume: 32;
Issue: 1;
Start page: 03;
Date: 2011;
Original page

Keywords: Absenteísmo | Atestado de saúde | Trabalhador | Hospital médio porte.

ABSTRACT
The absenteeism is a complex administrative problem for organizations. In hospitals, it becomes even more complicated as the patient care can not be interrupted. The term absenteeism - disease, refers to the time off work due to health problems. It is intended to analyze the absence of workers due to health problems is related to age, sex, length of employment at the institution, part work shift and functional category. This is a retrospective, descriptive and documentary study. Data was collected from medical certificates submitted in the period from 01 July 2007 to 30 June 2008 to the sector of human resources of a medium-sized philanthropic hospital. The analysis results show that the number of certificates is greater in females (90.80%) and staff that work less time in the institution (61.19%). It was found that the number of certificates is higher in workers who make the rotation between morning and afternoon shifts. It was also noted that workers aged over 48 years, had lower number of certificates than the younger ones. The nursing technicians assistant were the professional categories that had presented more certificates (46.05%). The results identify several factors related to absenteeism and provide subsidies to strengthen actions to monitor the health of workers and also the implementation of actions aimed at improving the quality of life at work. O absenteísmo é um complexo problema administrativo para as organizações. Nos hospitais, torna-se ainda mais complicado, pois o cuidado ao cliente não pode ser interrompido. Entende-se por absenteísmo-doença, as faltas ao trabalho por problemas de saúde. Tem-se como objetivo analisar as faltas dos trabalhadores por causas de saúde relacionando-as com idade, sexo, tempo de trabalho na instituição, turno de trabalho e categoria funcional. Trata-se de um estudo retrospectivo, descritivo edocumental. Os dados foram coletados dos atestados de saúde apresentados no período de 01 julho de 2007 a 30 de junho de 2008 ao setor de recursos humanos de um hospital filantrópico de médio porte. As análises dos resultados demonstraram que o número de atestados apresentados é maior no sexo feminino (90,80%) e em funcionários com menor tempo de trabalho na instituição (61,19%). Verificou-se que onúmero de atestados é mais elevado nos trabalhadores que fazem revezamento entre os turnos matutino e vespertino. Também foi observado que os trabalhadores com idade acima de 48 anos, apresentaram menor número de atestados que os mais jovens. Os auxiliares e técnicos de enfermagem foram as categorias profissionais que mais apresentaram atestados (46,05%). Os dados encontrados permitem identificar vários fatores relacionados ao absenteísmo e fornecem subsídios para reforçar ações que acompanhem as questões de saúde dos trabalhadores e também a implantação de ações que visem à melhoria da qualidade de vida no trabalho.
RPA Switzerland

RPA Switzerland

Robotic process automation

    

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil