Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Aplicação K-Means Cluster para Classificar Estilos Gerenciais

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Marilene Bertuol Guidini | Auster Moreira Nascimento | Rosemarie Bröker Bone | Tiago Wickstrom Alves

Journal: Contextus
ISSN 1678-2089

Volume: 6;
Issue: 2;
Start page: 25;
Date: 2008;
Original page

Keywords: Organizações. Estilo de Gestão. K-Means Cluster.

ABSTRACT
O objetivo desta pesquisa foi de realizar uma análise estatística a fim de classificar os estilos de gestão das organizações empresariais utilizando as técnicas de agrupamento através do k-means cluster. Limitou-se a abordar os estilos propostos por Likert (1975;1979): autoritário, benevolente, consultivo e participativo. Efetuou-se uma survey através de um questionário, com questões fechadas respondido por 111 controllers de empresas da revista Valor 1.000 entre os anos de 2000 a 2004. Para classificar os estilos aplicou-se o k-means cluster. Constatou-se que 45,95% das empresas apresentaram um estilo de gestão participativo, com aplicações eventuais de punições pela não consecução de metas; 29,73%, um estilo de gestão consultivo, também com eventuais punições; 7,21% apresentaram um estilo de gestão consultivo, com eventuais punições e um planejamento estratégico informal; 9,01%, um estilo consultivo, porém, sem a aplicação de punições ou de critérios de incentivos aos gestores; e, por fim, 8,11%, um estilo benevolente.
RPA Switzerland

RPA Switzerland

Robotic process automation

    

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil