Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Criptococose pulmonar pseudotumoral associada à síndrome de Cushing

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Lacativa Paulo G.S. | Donangelo Ines | Wagman Márcia B. | Sieiro Neto Lino | Caldas Carolina R. | Violante Alice H.D. | Lima Roberto J. | Vaisman Mário

Journal: Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia
ISSN 0004-2730

Volume: 48;
Issue: 2;
Start page: 318;
Date: 2004;
Original page

Keywords: Síndrome de Cushing | Criptococose | Infecções oportunistas | Neoplasias pulmonares

ABSTRACT
Em pacientes com síndrome de Cushing, observa-se freqüência aumentada de infecções oportunistas que possuem uma elevada mortalidade e estão associadas à gravidade do hipercortisolismo. Criptococose pulmonar é uma destas infecções oportunistas e pode mimetizar uma neoplasia pulmonar, tornando o seu diagnóstico difícil. Apresentamos um caso de um paciente do sexo masculino, jovem, com síndrome de Cushing ACTH-dependente e grave hipercortisolismo. O paciente obteve a cura após cirurgia transfenoidal, mas desenvolveu quadro febril. Tomografia computadorizada de tórax mostrou um nódulo pulmonar que não se alterava em radiografias seriadas. A investigação para tuberculose, infecção fúngica e bacteriana foi inconclusiva, tornando a hipótese de neoplasia pulmonar mais provável. O paciente faleceu por sepse urinária. A necropsia, no entanto, demonstrou tratar-se de criptococose pseudotumoral. Pacientes com síndrome de Cushing e infiltrado pulmonar devem ser avaliados quanto à infecção fúngica, como Cryptococcus neoformans.
RPA Switzerland

RPA Switzerland

Robotic process automation

    

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil