Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Dinâmica espaço-temporal da hanseníase no estado de Sergipe (2004-2010)

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Cláudia Moura de Melo | José Aislan Correia Santos | Laura Angélica Gomes Santos

Journal: Scire Salutis
ISSN 2236-9600

Volume: 1;
Issue: 2;
Start page: 23;
Date: 2011;
Original page

Keywords: Hanseníase | Áreas de Risco | Sergipe

ABSTRACT
A hanseníase ainda representa um grave problema de saúde pública no Brasil, não só devido a sua prevalência, mas também aos danos advindos das incapacidades funcionais e estigma relacionados a doença. Este trabalho objetivou descrever a dinâmica espaço-temporal desta endemia no Estado de Sergipe durante o período de 2004 a 2010. Para esta finalidade, foi realizado um estudo ecológico a partir de dados secundários provenientes do SINAN e banco de dados do IBGE. As informações coletadas foram analisadas segundo a estatística descritiva e utilizadas na construção de mapas de séries temporais para localização de áreas de risco. Ao final do estudo, observou-se uma redução dos coeficientes de detecção da hanseníase nesta unidade da federação, apesar destes indicadores permanecerem em patamares que os classificam como muito alto. Além disso, foram identificadas heterogeneidade quanto à distribuição da hanseníase na área estudada e variações das classificações dos níveis de endemicidade nos municípios sergipanos durante o período estudado. Percebeu-se, ainda, que uma porção significativa das notificações realizadas é relativa a casos diagnosticados tardiamente, o que contribui para propagação desta endemia. Mesmo com diagnóstico tardio, a maioria dos indivíduos não apresentou incapacidades decorrentes da hanseníase, evento que pode ser consequência de subnotificação, uma vez que a avaliação destas muitas das vezes é ignorada.
RPA Switzerland

Robotic Process Automation Switzerland

    

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona