Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Effect of drying and soaking fruits and seeds on germination of macaw palm (Acrocomia aculeata [Jacq.] Loddiges ex MART.)=Efeito da secagem e embebição de frutos e sementes na germinação de macaúba (Acrocomia aculeata [Jacq.] Loddiges ex MART.)

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Aurélio Rubio Neto | Fabiano Guimarães Silva | Juliana de Fátima Sales | Edésio Fialho dos Reis | Marcus Vinícius Vieira da Silva | Apolyana Lorraine Souza

Journal: Acta Scientiarum : Agronomy
ISSN 1679-9275

Volume: 34;
Issue: 2;
Start page: 179;
Date: 2012;
VIEW PDF   PDF DOWNLOAD PDF   Download PDF Original page

Keywords: germination | tetrazolium | drying tolerance | germinação | tetrazólio | tolerância à dessecação.

ABSTRACT
This study evaluated mechanisms of the dehydration and rehydration of fruits and seeds on the resulting embryo viability of the macaw palm, Acrocomia aculeata (Jacq.) Loddiges ex Mart. Dehydration was performed in a forced-air oven at 37 ± 2°C for 0, 3, 6, 9, 12 or 15 days, and after these periods, the embryo viability was evaluated by the tetrazolium test. The effect of hydration on the germination percentage and velocity index was evaluated by the imbibition of seeds with distilled water in a germinator at 30 ± 2°C for 0, 2, 4, 6, 8 or 10 days. The seeds were then treated with fungicide and maintained in a Mangelsdorf germinator at 30 ± 2°C. Drying caused a progressive water loss in the fruits and facilitated the extraction of the seeds. Fruits subjected to drying for up to nine days had no loss of vigor; however, after dehydration for 15 days, a loss in seed viability was observed. Simple linear regression estimated the seed water content based on the fruit water content. Seed imbibition in distilled water favored an increase in dead by fungally contaminated seeds.Objetivou-se com esse estudo elucidar os mecanismos de desidratação e hidratação de frutos e sementes na viabilidade de embriões de macaúba Acrocomia aculeata (Jacq.) Loddiges ex Mart. A desidratação foi realizada em estufa de circulação de ar, ajustada a 37 ± 2°C por 0, 3, 6, 9, 12 e 15 dias, após esses períodos, foi avaliada a viabilidade dos embriões pelo teste de tetrazólio. O efeito da hidratação na porcentagem e velocidade de germinação foi avaliado pela embebição das sementes em água destilada em germinador com temperatura a 30 ± 2°C por 0, 2, 4, 6, 8 e 10 dias. As sementes foram tratadas com fungicida e mantidas em germinador do tipo Mangelsdorf. A secagem promoveu perda pregressiva no conteúdo de água dos frutos e facilitou a extração das sementes. Quando os frutos foram secos por nove dias não há perda de vigor, no entanto, depois de 15 dias de desidratação, foi observado perda na viabilidade das sementes. Com a regressão linear simples é possível estimar o conteúdo de água nas sementes baseando-se no teor de água dos frutos. A embebição das sementes em água destilada favoreceu e aumentou o número de sementes mortas pela contaminação fúngica.
RPA Switzerland

Robotic Process Automation Switzerland

    

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil