Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Produtos orgânicos: como os consumidores os veem?

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Izabela Leite Ribeiro Guimarães | Lilliane Renata Defante | Leandro Sauer | Dario de Oliveira Lima-Filho

Journal: Revista Brasileira de Administração Científica
ISSN 2179-684X

Volume: 4;
Issue: 1;
Start page: 50;
Date: 2013;
Original page

Keywords: Produtos Orgânicos | Opiniões Sobre Orgânicos | Benefícios dos Orgânicos

ABSTRACT
O principal objetivo deste estudo é analisar estatisticamente as opiniões e valores dos consumidores de Campo Grande (MS) sobre produtos orgânicos a partir de uma abordagem quantitativo-descritiva. A justificativa para a presente pesquisa reside em um estudo anterior dos autores: Sangkumchaliang e Huang (2012), que apontou que as principais razões para a compra de alimentos orgânicos são uma expectativa de vida saudável e bem estar do ambiente de produção. A amostra foi probabilística sendo que para a coleta de dados foram aplicados 400 questionários estruturados em domicílios da cidade de Campo Grande (MS). Para análise dos dados utilizou-se a distribuição de frequência e a Análise Fatorial Exploratória (EFA). Os resultados do estudo apontaram que a maior proporção de consumidores está no intervalo de 50 a 59 anos de idade seguido de 60 anos ou mais. A análise fatorial identificou dois fatores com autovalores acima de um (1), e a variância explicada de 65% do modelo de percepção proposto. O primeiro fator foi rotulado de “Benefícios dos produtos orgânicos” e o segundo de “Atributos do produto”, ou seja, a estrutura latente de dependência entre as variáveis que exprimem a percepção dos consumidores a cerca dos orgânicos está baseada nesses dois fatores.
RPA Switzerland

RPA Switzerland

Robotic process automation

    

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil