Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NA REDE DE DRENAGEM DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO DO MEIO, FLORIANÓPOLIS/SC

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Taiana Gava | Alexandra Rodrigues Finotti

Journal: Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade - GeAS
ISSN 2316-9834

Volume: 1;
Issue: 2;
Start page: 80;
Date: 2012;
Original page

ABSTRACT
A rede de drenagem urbana está entre as principais responsáveis pela veiculação de cargas poluidoras incluindo resíduos sólidos. A identificação de fontes geradoras desta poluição e estudos referentes à quantificação e classificação dos resíduos transportados na rede de drenagem torna-se de relevante importância para a avaliação correta do seu impacto para dar suporte às medidas de gestão e controle. Esse trabalho teve como objetivo analisar as principais características que influenciam no surgimento dos resíduos sólidos na rede de drenagem da Bacia do Rio do Meio, Florianópolis/SC. Foi implantada uma estrutura de monitoramento em uma seção do rio que serviu para coletar os resíduos veiculados. Foi avaliado que aproximadamente 0,27 kg/ha de resíduos são veiculados na rede de drenagem por ano; sendo a maioria composta por plásticos e materiais de construção. Os dados permitiram constatar que o surgimento dos resíduos na rede de drenagem é devido a focos isolados de mau acondicionamento e pela falta de varrição em alguns pontos da bacia. Constatou-se também que o total de precipitação é diretamente proporcional ao surgimento dos resíduos sólidos. Com a descoberta destes fatores, verificou-se que a falta de uma gestão integrada entre os componentes do saneamento deixam passar despercebido medidas estruturais simples, que acabariam por reduzir a quantidade de resíduos sólidos drenados na Bacia do Rio do Meio, eliminando ou reduzindo esta fonte de poluição.
RPA Switzerland

RPA Switzerland

Robotic process automation

    

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona