Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

Um modelo em que todos ganham: mudar e inovar, desafios para o enfrentamento das doenças crônicas entre os idosos = Strategies for coping with chronic diseases: a model where everyone wins

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Renato Peixoto Veras

Journal: Acta Scientiarum : Human and Social Sciences
ISSN 1679-7361

Volume: 34;
Issue: 1;
Start page: 121;
Date: 2012;
VIEW PDF   PDF DOWNLOAD PDF   Download PDF Original page

Keywords: envelhecimento | modelos assistenciais | promoção de saúde | capacidade funcional | ANS | UnATI/Uerj | aging | healthcare models | health promotions | functional capacity | ANS | UnATI/Uerj.

ABSTRACT
As transformações sociais e econômicas das últimas décadas e suas consequentes alterações nos estilos de vida das sociedades contemporâneas – mudanças dos hábitos alimentares, aumento do sedentarismo e do estresse – e a maior expectativa de vida da população colaboraram para o aumento da incidência das doenças crônicas, que hoje constituem um sério problema de saúde pública. Doenças cardiovasculares, câncer, diabetes e doenças respiratórias são as maiores responsáveis pela mortalidade no mundo. No Brasil, nas últimas décadas, as doenças crônicas não transmissíveis tornaram-se as principais causas de óbito e de incapacidade prematura. Foco criativo deve ser dirigido ao cuidado dos idosos, que são os que mais sofrem os efeitos de sua própria fragilidade e os que mais demandam serviços de saúde. A Agência Nacional de Saúde Suplementar publicou uma resolução que incentiva a participação de beneficiários de planos de saúde em programas de envelhecimento ativo, com a possibilidade de descontos nas mensalidades. Assim, idosos passam a receber benefícios pecuniários para aderir a programas de saúde preventiva e detecção precoce de doenças. Este artigo de opinião visa a apresentar questões relativas não só à recente iniciativa da ANS, mas também, e particularmente, da UnATI/Uerj, que, ao longo de 18 anos de existência, vem trilhando o tema de novos modelos de cuidado. Este texto expressa o mais novo projeto da instituição, que é desenvolver um modelo de linha de cuidados, integrando a promoção e a atenção à saúde do idoso.The social and economic transformations of recent decades and their consequent changes in the lifestyles of contemporary society – changes in eating habits, increasedsedentarianism and stress – and longest life expectancy of the population contributed to the increased incidence of chronic diseases, which today are a serious health problem. Cardiovascular diseases, cancer, diabetes and respiratory diseases are the major cause of mortality worldwide. In Brazil, in recent decades, chronic non-communicable diseases have become major causes of premature death and disability. Creative focus should be directed to the care of the elderly, who are the ones who suffer the effects of their own weakness and demand more health services. The National Agency of Supplementary Health published a resolution that encourages the participation of beneficiaries in health insurance programs for active aging, with the possibility of discounts on fees. Thus, the elderly now receive cash benefits to comply with preventive health programs and early detection of diseases. This opinion paper aims to present issues relating not only to the recent initiative of the Agency, but rather to Uerj’s Open University for Studies on the Elderly, which for 18 years has been approaching the theme of new health care models. This text expresses the institution’s latest project, which is to develop a health care model integrating promotion and attention for the elderly’s health.
RPA Switzerland

Robotic Process Automation Switzerland

    

Tango Jona
Tangokurs Rapperswil-Jona