Academic Journals Database
Disseminating quality controlled scientific knowledge

VALORAÇÃO DE DANOS DECORRENTE DA INUNDAÇÃO EM SÃO LUIZ DO PARAITINGA

ADD TO MY LIST
 
Author(s): Alessandra Cristina Corsi | Paulo Brito Moreira de Azevedo | Marcelo Fischer Gramani

Journal: Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade - GeAS
ISSN 2316-9834

Volume: 1;
Issue: 2;
Start page: 126;
Date: 2012;
Original page

ABSTRACT
O município de São Luiz de Paraitinga foi palco, entre dezembro de 2009 e janeiro de 2010, de uma precipitação pluvial de muita intensidade que resultou em inundação na área central e diversos escorregamentos na área urbana e rural. A ocorrência de desastres naturais como este recebe um apelo grande da mídia, com reportagens mostrando imagens fortes do sofrimento das pessoas diretamente atingidas, perdas de parentes próximos, de suas casas e aparelhos e utensílios domésticos. Entretanto uma questão que chama atenção fora o choque da tragédia humanitária, são as perdas econômicas envolvidas. Existem alguns métodos de valoração destes danos para se estimar as perdas econômicas. Para esta estimativa utilizou-se uma adaptação do método DaLa  (Damage and Loss Assessment), essa avaliação engloba o conjunto de efeitos e seus impactos sobre os diferentes setores econômicos e sociais, infraestrutura e o meio ambiente, permitindo, deste modo, dimensionar o montante necessário para a reconstrução, apoiar o gerenciamento de risco e as políticas públicas direcionadas à prevenção de riscos de desastres naturais. Como resultado chegou-se ao montante das perdas e danos em São Luiz de Paraitinga de R$ 103,63 milhões. Cabe ressaltar que o setor de habitação e patrimônio tombado foi o mais impactado no evento, representando 35% das perdas e danos, remetendo à vulnerabilidade do setor, ou seja, R$ 35 milhões. Seguido aparece o setor de transporte o qual representa 24% dos custos totais da inundação no município.
RPA Switzerland

RPA Switzerland

Robotic process automation

    

Tango Rapperswil
Tango Rapperswil